LANCE!
27/11/2017
22:44
São Paulo

O campeão brasileiro já é conhecido desde o último dia 15, quando o Corinthians derrotou o Fluminense e assegurou o heptacampeonato. Porém, ainda há uma disputa por troféu e ela está encarniçada. Na rodada do próximo domingo, a última, com todas as partidas às 17h, cinco clubes disputam o troféu João Saldanha, oferecido pelo LANCE! desde 2004. Palmeiras (31), São Paulo  (30), Chapecoense (29), Cruzeiro (29) e Vasco (29) lutam para terminar o returno no topo. O maior vencedor do Saldanhão é o Tricolor paulista, que busca o penta. Dos concorrentes, apenas Chape e Vasco buscam o título inédito.

E se no ano passado o Verdão ficou com o troféu fazendo o melhor turno da história (44 pontos em 19 jogos), desta vez o vencedor terá a mais baixa pontuação - o recorde negativo pertence ao São Paulo de 2012 (25 pontos em 19 jogo). Confira o que cada um precisa para comemorar o Saldanhão no domingo: 

PALMEIRAS

Líder do segundo turno com 31 pontos, o Palmeiras enfrenta o Atlético-PR, na Arena da Baixada, e depende apenas de seus esforços para ser bicampeão do Saldanhão:
- Se vencer, é campeão
- Se empatar, precisa torcer para o São Paulo não vencer o Bahia, no Morumbi, e Chapecoense e Cruzeiro não triunfaram em seus jogos (contra Coritiba, em casa, e Botafogo, fora, respectivamente) e tirarem a diferença de saldo de gols, bastante favorável ao Verdão.
- Se perder, precisa torcer para que São Paulo, Chapecoense, Cruzeiro e Vasco não vençam suas partidas.

SÃO PAULO

Vice-líder do returno com 30 pontos - um a menos que o Palmeiras -, o São Paulo tem uma vitória a menos que o rival. Portanto, só ficará com o troféu se derrotar o Bahia, no Morumbi, e o Palmeiras não vencer o Atlético-PR, em Curitiba. Essa é a única combinação possível.

CHAPECOENSE

Pra conquistar de forma inédita o troféu João Saldanha, a terceira colocada Chapecoense precisa vencer o Coritiba em casa, torcer para o São Paulo não ganhar do Bahia, no Morumbi, e para o Palmeiras ser derrotado pelo Atlético-PR. Caso haja empate em Curitiba, a Chape precisará tirar diferença de cinco gols de saldo em relação ao Palmeiras (11 a 6). 

CRUZEIRO

Quarta colocada do returno com 29 pontos, a Raposa precisa de uma combinação grande de resultados para levar o Saldanhão. Além de derrotar o Botafogo no Rio de Janeiro, precisa torcer para que Palmeiras, São Paulo e Chape não vençam seus jogos. Se o Verdão empatar, terá que tirar a diferença do saldo de gols (12 a 3). 

VASCO

Quinto colocado do returno, o Vasco precisa derrotar a rebaixada Ponte Preta, em São Januário, e torcer para que o Palmeiras perca do Atlético-PR e São Paulo, Chapecoense e Cruzeiro não triunfem. Há a possibilidade de levar o troféu em caso de vitórias de Cruzeiro e/ou Chape, mas precisará tirar uma boa diferença de saldo de gols.