Thiago Ferri
11/11/2018
18:57
São Paulo (SP)

O Palmeiras empatou com o Atlético-MG em 1 a 1 no Independência e manteve a vantagem de cinco pontos na liderança do Brasileiro. Agora, restam apenas cinco rodadas para o fim do campeonato.

Elias abriu o placar, mas Bruno Henrique, de pênalti, definiu o empate, que levou o Verdão aos 67 pontos. Como o Internacional, vice-líder, também ficou no 1 a 1 com o Ceará, a distância não se alterou. O Flamengo, derrotado pelo Botafogo sábado, ficou sete pontos atrás.

O Atlético-MG, com o placar, foi para sua sexta rodada seguida sem vencer. No entanto, o Galo pelo menos quebrou uma série que vinha com três derrotas consecutivas. Com um ponto em quatro jogos sob o comando do técnico Levir Culpi, o time ainda se mantém dentro do G6, com 47 pontos, mas tem Atlético-PR, Cruzeiro e Santos na cola, todos com 46 pontos conquistados.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRÃO
> Clique aqui para ver

Victor evita o gol
O primeiro tempo no Independência não foi vistoso. O Atlético-MG teve mais a bola, só que esbarrou na organização alviverde. Tanto que a melhor oportunidade foi um chute de fora da área. O Palmeiras, enquanto isso, criou os lances mais claros: um com Guerra, livre na área, e outro com Deyverson, após escanteio. Nas duas jogadas, o goleiro Victor saiu bem e evitou o gol.

Elias coloca o Galo na frente
Ao resistir nos minutos iniciais do segundo tempo, o Atlético-MG melhorou colocando a bola no chão. Foi em um belo lance trabalhado, inclusive, que o time de Levir Culpi abriu o placar: calcanhar de Cazares, passe inteligente de Fábio Santos e finalização precisa de Elias. Era o melhor momento no jogo do time que acumulava cinco partidas sem vencer no Brasileirão.

Bruno Henrique empata
Se as trocas de Felipão pareciam não surtir efeito e sua equipe encontrava dificuldades para chegar na meta de Victor, um pênalti recolocou o Palmeiras no jogo. Na cobrança de falta de Gustavo Scarpa, Edu Dracena venceu Adílson na corrida e só foi parado pelo agarrão do volante. Bruno Henrique bateu bem e empatou o jogo no estádio Independência.

Verdão iguala marca de 1998
O resultado deu ao Verdão sua 18ª partida de invencibilidade no Brasileirão – são 13 vitórias e cinco empates desde derrota no dia 25 de julho, para o Fluminense, a última partida de Roger Machado pelo clube. O time igualou a marca sem perder atingida entre os Brasileiros de 1997 e 1998, também com Felipão como treinador do Palmeiras.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 1 X 1 PALMEIRAS
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 11/11/18 - 17h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Bruno Rapahel Pires (Fifa-GO)
Público/renda: - pagantes / R$ -
Cartões amarelos: Felipe Melo (28'/1ºT), Edu Dracena (43'/2ºT) (Palmeiras) e Ricardo Oliveira (28'/1ºT), Iago Maidana (29'/2ºT), Adilson (30'/2ºT) (Atlético-MG)
Cartões vermelho: -
Gol: Elias (19'/2ºT) e Bruno Henrique (31'/2ºT)

ATLÉTICO-MG: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; Adilson e Elias; Luan, Cazares (Terans, aos 38'/2ºT), Yimmi Xará; Ricardo Oliveira (Alerrandro, aos 38'/2ºT). Técnico: Levir Culpi.

PALMEIRAS: Weverton; Jean, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés (Thiago Santos, aos 13'/2ºT); Guerra (Lucas Lima, aos 26'/2ºT), Willian (Gustavo Scarpa, aos 20'/2ºT) e Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari.