Yago Rudá
04/08/2018
23:00
São Paulo (SP)

O Corinthians deixou escapar a chance de conquistar sua terceira vitória seguida no Brasileirão e se aproximar do pelotão da frente na tabela de classificação. De olho na partida da próxima quarta, pela Copa Libertadores, o técnico Osmar Loss poupou quatro titulares e a equipe não conseguiu se impôr diante do Atlético-PR. No fim, o Timão deixou sua arena com um empate em 0 a 0.

Preocupado com o Colo-Colo, adversário das oitavas de final da Libertadores, o Loss "segurou" Fagner, Gabriel, Danilo Avelar e Mateus Vital e deu oportunidade para, respectivamente, Thiaguinho, Léo Santos - improvisado no meio -, Carlos Augusto e Clayson.

A falta de entrosamento fez com que o Corinthians enfrentasse dificuldades durante toda a partida. O time teve problemas para chegar ao ataque e contou com algumas falhas da defesa ao longo dos 90 minutos. Se não fosse o goleiro Cássio, a equipe poderia ter sido derrotada em sua arena para o antepenúltimo colocado do Brasileirão.

Deixou a desejar
Os pouco mais de 28 mil torcedores que pagaram ingresso para assistirem o duelo entre Corinthians e Atlético-PR certamente voltaram para suas casas decepcionados. As equipes não conseguiram demonstrar um bom futebol e a partida, por consequência, não teve tantos atrativos. Sem volume de jogo, o Timão quase não agrediu o gol defendido por Santos. Já o Furacão apenas chegou no ataque por conta dos erros do Corinthians.

Defesa desentrosada
O time de Osmar Loss ficou refém da sua falta de entrosamento. Improvisado na lateral direita, o volante Thiaguinho teve problemas na marcação e, por aquele setor do campo, os paranaenses criaram, pelo menos, três boas chances na etapa inicial. Todas pararam nas mãos do goleiro Cássio, que teve mais uma grande atuação nesta temporada. No segundo tempo, o cenário se repetiu, mas o Furacão não conseguiu

Nem mesmo com Zidanilo
Nos minutos finais da partida, Loss tirou Romero - xodó da torcida - e colocou o experiente meia Danilo. Nem mesmo com ele em campo, o Corinthians conseguiu criar uma oportunidade de perigo. No fim do jogo, a torcida ficou impaciente e pediu que o time fosse mais agressivo, mas nada surtiu efeito.

Próximos jogos
Na próxima quarta, às 21h45, o Corinthians começa a definir seu futuro na Copa Libertadores - a prioridade do clube nesta temporada. Em Santiago, o Timão mede forças com o Colo-Colo pelo jogo de ida das oitavas de final. Pelo Brasileirão, o Alvinegro volta a campo no próximo domingo, quando enfrenta a Chapecoense, em Santa Catarina.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 0 X 0 ATLÉTICO-PR
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data-Hora: 4/8/2018 - 21h
Árbitro: Péricles Bassols (PE)
Auxiliares: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)
Público/renda: 28.455 pagantes/R$ 1.087.600,64
Cartões amarelos: Cássio e Pedro Henrique (COR), Pablo e Wanderson (APR)
Cartões vermelhos:
Gols: -

CORINTHIANS: Cássio; Thiaguinho, Pedro Henrique, Henrique e Carlos Augusto; Léo Santos e Douglas; Pedrinho, Jadson (Araos, aos 33'/2ºT) e Clayson (Mateus Vital, aos 21'/2ºT); Romero (Danilo, aos 39'/2ºT). Técnico: Osmar Loss.

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André (Wanderson, aos 27'/1ºT), Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington, Lucho González e Raphael Veiga (Bruno Nazário, aos 40'/2ºT); Marcinho (Nikão, aos 22'/2ºT), Marcelo Cirino e Pablo. Técnico: Tiago Nunes.