Alexandre Guariglia
06/06/2021
17:58
São Paulo (SP)

Não foi um espetáculo, mas o Corinthians venceu o América-MG por 1 a 0, neste domingo, no Independência, em Belo Horizonte, e conquistou sua primeira vitória no Brasileirão-2021. Foi também o primeiro triunfo de Sylvinho como técnico do clube, graças a um gol de pênalti convertido por Fábio Santos, ainda no primeiro tempo. Já os mineiros seguem sem marcar gols nos últimos cinco jogos disputados e continuam sem pontuar na competição 

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Coelho começa melhor, mas quem sai na frente é o Timão

O primeiro tempo começou com os donos da casa pressionando os visitantes e conseguindo um certo êxito na estratégia, provocando até saídas erradas de um time que parece muito bagunçado em campo. No entanto, essa imposição não foi transformada em finalizações e o América-MG não chutou em gol.

Espaço, então, para o Timão se arrumar e passar a apostar em jogadas pelo lado direito do gramado. Aos sete minutos, Luan tirou da cartola um passe de calcanhar para Fagner, que avançou livre para a área e obrigou Cavichioli a fazer grande defesa. Dez minutos depois, no mesmo lado, foi a vez de Gustavo Mosquito receber passe de Roni e forçar o goleiro americano a trabalhar.

Com Cantillo de primeiro volante distribuindo o jogo do meio, e Gabriel e Roni fortalecendo a marcação, Fagner, Luan, Mosquito e Araos tiveram mais espaço para trabalhar. O esquema deu certo e Gustavo, em mais uma jogada individual, foi derrubado dentro da área e foi marcado pênalti. Fábio Santos, impecável nas cobranças, converteu e abriu o placar para o Alvinegro.

Dai em diante, o Coelho não conseguiu produzir jogadas de ataque, muito por conta da forte marcação corintiana e da lentidão na saída de bola. Ademir teve uma chance em cobrança de falta, mas a bola foi para fora, assim como Luan, em lance parecido. Assim, o jogo foi para o intervalo com 1 a 0 no placar.

América-MG x Corinthians
Fábio Santos fez o gol do jogo (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Qualidade do jogo piora muito na segunda etapa e Corinthians confirma vitória

Na volta dos vestiários, as equipes não fizeram alterações, mas o América-MG retornou disposto a mudar sua postura. Para compensar a falta de finalizações no primeiro tempo, o time mineiro deu três chutes nos primeiros 15 minutos da etapa final, nenhum levou perigo, porém conseguiu ficar mais no campo de ataque e o Corinthians teve muita dificuldade para sair de sua defesa.

Sem conseguir criar muitas jogadas de ataque por conta de sua própria incapacidade, o América-MG pegou um Timão muito mais fechado na defesa, cedendo pouco espaço ao adversário. Lisca ainda lançou três substituições de uma vez, deixando a equipe um pouco mais ofensiva, e completou as mudanças com mais duas antes dos 30 minutos do segundo tempo.

No entanto, pouca coisa mudou. Os erros técnicos e de fundamento impediram qualquer reação do Coelho, que ainda teve um gol impedido marcado por Ribamar. A arbitragem, que já tinha apontado a irregularidade em campo, teve a confirmação do VAR. O mesmo Ribamar quase marcou de cabeça, e exigiu uma grande defesa de Cássio. No fim, Sylvinho colocou Camacho e Lucas Piton para ajudar a garantir sua primeira vitória no Brasileirão e com o técnico.

E agora?

Com o triunfo, o Corinthians soma seus primeiros três pontos no Campeonato Brasileiro e agora foca suas atenções na disputa da terceira fase da Copa do Brasil, contra o Atlético-GO, na próxima quarta-feira, em Goiânia. Como perdeu na ida por 2 a 0, a equipe precisará de um triunfo por três gols de diferença para avançar ou de dois para levar a decisão para os pênaltis. Já o América-MG segue sem vencer no Brasileirão e terá de buscar a classificação na Copa do Brasil, também nesta quarta-feira, contra o Criciúma, fora de casa.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 0 X 1 CORINTHIANS
Local:
Independência, Belo Horizonte (MG)
Data-Hora: 6/6/2021 - 16h
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Público/renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Ribamar e Eduardo Bauermann (AME) Gabriel e Camacho (COR)
Cartões vermelhos: -
Gol: Fábio Santos (29'/1ºT) (0-1)

AMÉRICA-MG: Matheus Cavichioli; Diego Ferreira (Eduardo, aos 18'/2ºT), Anderson Jesus, Eduardo Bauermann e Marlon (Alan Ruschel, aos 18'/2ºT); Zé Ricardo (Gustavo, aos 29'/2ºT), Juninho, Alê e Ademir; Felipe Azevedo (Ribamar, aos 18'/2ºT) e Rodolfo (Bruno Nazário, aos 29'/2ºT). Técnico: Lisca.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Roni (Ramiro, aos 23'/2ºT), Cantillo (Camacho, aos 40'/2º) e Araos (Lucas Piton, aos 40'/2ºT); Luan (Léo Natel, aos 33'/2ºT) e Gustavo Mosquito. Técnico: Sylvinho.