Gabriela Brino*
12/08/2018
13:07
Santos (SP)

O Atlético-MG venceu o Santos por 3 a 1 na manhã deste domingo, no Estádio Independência, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Elias e Ricardo Oliveira marcaram pelo Galo. Gabigol, pelo Peixe.

Com o resultado, após vitória da Chapecoense sobre o Corinthians em jogo iniciado às 16h, o Alvinegro voltou para zona de rebaixamento: está em 17º, com 18 pontos. O time mineiro se encontra em 4º, com 30 pontos.


Só dá o Galo!


O relógio nem chegou a completar dez minutos e Elias já havia balançado a rede de Vanderlei. A partida, marcada para às 11h deste domingo, se mostrou mais favorável ao Atlético-MG, que estava disposto a controlar o jogo.

DA-LHE TRIO DO PEIXE!

Cuca chamou a atenção dos atletas após o gol e o time se concentrou para dar trabalho ao rival. Deu certo. O Santos foi ao ataque com cinco jogadores. Rodrygo desmontou a defesa do Galo, a bola explodiu e sobrou para Bruno Henrique, que deu passe para Gabriel marcar.

Mais tarde, Ricardo Oliveira foi para cima de Vanderlei, que fez defesa linda em uma bola difícil no travessão.

Alô, lei do ex!

A segunda etapa foi bem disputada. O Peixe se aproveitou dos erros do Atlético-MG e foi para cima. O Galo voltou a se organizar e tomou conta do jogo. Cazares anulou Victor Ferraz em um drible e deu passe certeiro para Oliveira, que marcou contra seu ex-time.

DE NOVO, OLIVEIRA?

O Santos se perdeu ao longo da partida e abriu muitos espaços para o time mineiro. Ricardo Oliveira voltou a marar nos minutos finais.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 3 X 1 SANTOS
Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Data-Hora: 12/8/2018 - 11h
Árbitro: Rodrigo D'alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
Público/renda: 22.062 presentes/R$ 369.140,00
Cartões amarelos: Iago Maidana e Elias (AMG)
Cartões vermelhos: -
Gols: Elias (7'/1ºT) (1-0), Gabriel (26'/1ºT) (1-1), Ricardo Oliveira (25'/2ºT) (2-1), Ricardo Oliveira (49'/2ºT) (3-1).

ATLÉTICO-MG: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Iago Maidana e Hulk; José Welison e Elias (Matheus Galdezani, aos 44'/2ºT); Chará, Nathan (Luan, aos 15'/2ºT) e Tomás Andrade (Cazares, no intervalo); Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Dodô; Alison (Yuri Alberto, aos 31'/2ºT), Diego Pituca e Jean Mota (Léo Cittadini, aos 17'/2ºT); Rodrygo, Bruno Henrique (Copete, aos 17'/2ºT) e Gabriel. Técnico: Cuca.