Guilherme Amaro
10/11/2018
19:10
São Paulo (SP)

O Corinthians manteve a invencibilidade contra o São Paulo em Itaquera. No nono Majestoso disputado no estádio alvinegro, o Timão e Tricolor empataram por 1 a 1 neste sábado, pela 33ª rodada do Brasileirão. Agora, o retrospecto tem seis vitórias corintianas e três empates.

O Majestoso foi recheado de polêmicas, com erros de arbitragem e expulsão de Araos no último lance do primeiro tempo. No geral, mesmo com um a menos, o Corinthians foi melhor, mas o São Paulo ficou mais ofensivo e "achou" um gol.

Com o resultado, o Corinthians foi a 40 pontos e ainda não está livre do risco de rebaixamento. Já o São Paulo foi aos 58 pontos e segue na luta por uma vaga já na fase de grupos da próxima Libertadores.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRÃO
> Clique aqui para ver

Timão na bronca com o juiz
O Corinthians chegou a marcar aos 34 minutos do primeiro tempo, mas o juiz não viu a bola entrar. Após cruzamento de Jadson e desvio de Ralf, a bola sobrou para Danilo, que chutou. Jean defendeu, mas a bola já tinha ultrapassado a linha. Outro lance em que o Timão foi prejudicado ocorreu aos 42 minutos, quando Romero foi empurrado na área e o juiz não deu pênalti.

Corinthians x São Paulo - Jean
Bola ultrapassou a linha após chute (Imagem: Reprodução/Premiere)

A utilização do VAR no Brasileirão chegou a entrar em votação em fevereiro. O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, apesar de se dizer favorável, alegou alto valor e falta de explicações para votar contra. No São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva já havia deixado esta reunião quando a votação aconteceu.

Um a menos na etapa final
No último lance do primeiro tempo, Araos atingiu Reinaldo com o braço e recebeu o segundo cartão amarelo. O árbitro chegou a dar o amarelo e ir para o meio de campo, mas depois foi avisado e levantou o vermelho para o chileno.

Pressão? Que nada
Com um a mais, Diego Aguirre tirou Anderson Martins e colocou Everton. Mais ofensivo, o São Paulo iria pressionar o Corinthians, certo? Errado. O Timão continuou melhor na partida.

Golaço de Ralf
Aos 26 minutos do segundo tempo, após boa jogada e cruzamento de Thiaguinho, Pedrinho ajeitou para Ralf chutar rasteiro de fora da área, sem chance para Jean. O lindo gol premiou a boa atuação alvinegra, mesmo com um jogador a menos.

Empate improvável
O São Paulo não esboçava reação e sofria para levar perigo, mesmo quando Aguirre deixou a equipe bem mais ofensiva com as entradas de Nenê e Everton. No entanto, aos 35 minutos, o Tricolor "achou" o gol de empate: Nenê chutou de fora da área, e Brenner desviou para o fundo da rede de Cássio.

O São Paulo equilibrou as ações apenas após o gol. Mas foi o Corinthians que ainda teve a melhor chance dos minutos finais, quando Roger não conseguiu cabecear bem antes de o juiz apitar o término do Majestoso.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 SÃO PAULO
Local: Arena Corinthians, São Paulo (SP)
Data-Hora: 10/11/2018 - 17h
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
Público/renda: 42.845 pagantes/R$ 1.911.492,99
Cartões amarelos: Jucilei, Bruno Peres e Bruno Alves (SAO)
Cartões vermelhos: Araos, aos 48'/1ºT (COR)
Gols: Ralf (26'/2ºT) (1-0), Brenner (35'/2ºT) (1-1)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Carlos Augusto; Ralf e Araos; Pedrinho (Clayson, aos 37'/2ºT), Jadson e Romero (Roger, aos 29'/2ºT); Danilo (Thiaguinho, no intervalo). Técnico: Jair Ventura.

SÃO PAULO: Jean; Arboleda, Bruno Alves e Anderson Martins (Everton, no intervalo); Bruno Peres, Jucilei (Nenê, aos 19'/2ºT), Hudson, Liziero e Reinaldo; Carneiro (Brenner, aos 25'/1ºT) e Diego Souza. Técnico: Diego Aguirre.