Cícero

Cícero chegou ao Botafogo nesse ano (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

LANCE!
08/04/2019
13:54
Rio de Janeiro (RJ)

A semana será importante para o Botafogo, que começa a preparação para o jogo contra o Juventude, pela Copa do Brasil, na próxima quinta-feira. Cícero analisou, em entrevista coletiva realizada no Estádio Nilton Santos, nesta segunda-feira, o duelo realizado no Rio de Janeiro e acredita na classificação.

- Cada jogo tem situações diferentes. No Rio eles jogaram muito fechados. Faltou forçar mais para furar o bloqueio. Mas nossa partida não foi ruim. Segundo tempo a gente massacrou. Jogar fora de casa é difícil, o Alfredo Jaconi é um campo acanhado. Podemos fazer um bom jogo e sair com a classificação. Em termos de estratégia, sabemos que podemos evoluir mais - afirmou.

A situação financeira continua sendo um dos protagonistas do ambiente do Botafogo, que deve dois meses de salários aos jogadores. O volante afirmou que a premiação em cima de uma classificação na Copa do Brasil é importante, mas que o foco deve ser no campo.

- É um jogo de mata-mata. Vamos concentrados e conscientes. Lógico que passar de fase é bom e ajuda no orçamento do clube. Temos que jogar futebol, o resto vem naturalmente. Não adianta pensar que vamos pegar o dinheiro para pagar isso ou aquilo - completou.

Por conta dos problemas financeiras, o grupo decidiu não se concentrar antes da partida contra o Juventude. Apesar disso, Cícero afirmou que a situação não vai atrapalhar as pretensões do Botafogo na temporada e que os jogadores do elenco possuem apenas a ideia de ajudar o clube.

- Grupo resolveu em comum acordo. Não teve estresse. Não sabemos como será nos próximos jogos. Vamos obedecer as ordens do clube. O Botafogo estará sempre acima de todos - comentou.

- As vezes a gente debate muito uma situação e parece que não estamos jogando por causa dos atrasos. Todo mundo gosta de receber em dia. Isso é com a direção. Estamos aqui para defender a camisa. Independente do que aconteça, temos que entrar e sempre tentar dar o melhor. Estou chegando agora, é algo novo para mim. Mas quero focar no meu futebol, na minha forma física, para dar o meu melhor. Temos que focar no Juventude, um jogo importante para as pretensões do Botafogo na temporada - completou.