Logo Lance! Betting

Artur Jorge analisa empate do Botafogo com Fortaleza: ‘Mal menor’

Em entrevista coletiva, treinador destacou a intensidade das duas equipes na partida

53716743233_028957cad3_k-aspect-ratio-512-320
Artur Jorge durante Fortaleza 1 x 1 Botafogo pelo Brasileirão (Foto: Vitor Silva / Botafogo)

Escrito por

Técnico do Botafogo, Artur Jorge não curtiu o resultado da equipe diante do Fortaleza neste domingo (12), mas gostou da intensidade da partida. Em entrevista coletiva após o jogo no Castelão, o treinador português afirmou que ficou satisfeito com entrega dos atletas, o que ameniza empate fora de casa para o Glorioso.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

➡️ A boa do Lance! Betting: vamos dobrar seu primeiro depósito, até R$200! Basta abrir sua conta e tá na mão!

- É um jogo que o resultado acaba por ser um mal menor. É um jogo que foi intenso, com duas equipes que disputaram todos os lances, onde os lances ficaram mais do lado da transição do que no ataque posicional. Tivemos mais posse de bola, mais oportunidades... Saímos com um ponto, não totalmente satisfeito com o resultado porque queríamos vencer, mas completamente satisfeito com a entrega dos atletas, esse tem sido um sinal dessa equipe. Nosso objetivo será sempre ganhar - disse Artur Jorge.

- Bom resultado não é. O Botafogo sempre quer vencer. O que me compete falar sobre esse contexto falei com meus atletas. Sabíamos que teríamos um contexto muito difícil pela qualidade do rival, pela temperatura muito alta. Ter um gramado melhor ou pior é muito subjetivo em função do que queremos fazer. Consideramos, mas não será nunca razão para justificar o que quer que seja. Estou satisfeito com a torcida do Botafogo que veio até aqui e nos apoiou até o último minuto. Faltou-nos um pouco mais de capacidade para concluir as jogadas que criamos - afirmou o treinador.

Artur Jorge também comentou a escalação inicial do Botafogo na partida contra o Fortaleza. O técnico mandou a campo um time misto e poupou atletas. Segundo o português, as mudanças não foram feitas visando o duelo de quinta-feira (15), diante do Universitario-PER, pela Libertadores, e sim seguindo o planejamento da comissão técnica.

- O meu foco foi este jogo. Não estava pensando na quinta-feira. É verdade que é um jogo decisivo e importante, temos uma longa viagem, enfrenta um rival que faz uma Libertadores interessante. Minha ideia hoje é ter uma equipe capaz de lutar pela vitória. Não temos 11 nem 12 atletas, temos 28, e todos eles são capazes de dar a resposta que queremos. Optamos por esse 11 de hoje, que deram a resposta que queríamos, e depois por alterações que fizeram que a gente criasse oportunidades, mas não fomos eficazes. Fizemos essa gestão em função da equipe em função do jogo de hoje, o que para mim é e sempre será o mais importante - explicou Artur Jorge.

Artur Jorge Botafogo
Artur Jorge durante Fortaleza 1 x 1 Botafogo pelo Brasileirão (Foto: Vitor Silva / Botafogo)

News do Lance!

Receba boletins diários no seu e-mail para ficar por dentro do que rola no mundo dos esportes e no seu time do coração!

backgroundNewsletter