Protesto da Mancha Azul, organizada do Avaí, contra o diretor Joceli dos Santos

Foto: Reprodução/Facebook Mancha Azul

Futebol Latino
13/08/2019
15:12
Florianópolis (SC)

A maior torcida organizada do Avaí, a Mancha Azul, segue se manifestando com críticas fortes tanto a jogadores como a integrantes da diretoria.

Isso porque, além de ter invadido as instalações do estádio da Ressacada em meio a uma preleção do elenco principal para fazer cobranças, na última segunda-feira (12), em carta aberta publicada na sua rede social oficial, foi pedida a demissão do diretor de esportes, Joceli dos Santos.

Na mensagem de tom crítico e de cobrança generalizada, o nome de Joceli é acompanhado de adjetivos como "incompetente" e não tendo "currículo digno" para seguir gerenciando o departamento de futebol da Azzurra. Com isso, é pedido o desligamento imediato do profissional que já foi jogador do clube nos anos 70 além de treinador na década de 1990.

Além do nome do diretor, o presidente José Francisco Battistotti também é citado em forma de "lembrança" sobre suas funções dentro do clube como precisando "representar os interesses da Instituição e de seus sócios e não os seus próprios".

Por fim, a Mancha Azul ainda pede que seja apresentado um plano de ação e planejamento técnico para o departamento de futebol com o objetivo de livrar a equipe do rebaixamento.

Confira abaixo a carta aberta na íntegra: