Sérgio Sette Câmara - Atlético-MG

Sérigio Câmara comentou sobre a sua gestão no Atlético-MG e sobre a nova arena (Foto: Divulgação/Atlético-MG)

LANCE!
03/04/2019
12:41
São Paulo (SP)

O presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, fez um balanço da sua gestão no clube mineiro, durante sua participação no 2° Encontro de Gestão e Transparência no Esporte, realizado em São Paulo. 

Câmara ressaltou a retoma das finanças do Galo, que segundo ele, estavam com quatro meses de salários atrasados, além de atraso no FGTS. O clube também pagou uma dívida com a FIFA, entidade mundial do futebol. 

- Quando cheguei no Atlético no começo de 2018, estávamos com quatro meses de salário atrasado, muitas receitas antecipadas e muitas despesas. Comecei a tratar o clube com muito cuidado, não saímos fazendo loucuras, contratações malucas, colocamos aos salários e fornecedores em dia. Reduzimos o nosso endividamento na FIFA, sabemos que ela começou a aplicar punições esportivas em relação a isso - afirmou o presidente. 

Ele aproveitou para dar mais detalhes sobre a nova arena do clube, que tem previsão de inauguração em 2021, e terá capacidade de 48 mil lugares. 

- O Atlético MG vai construir a sua arena, de 48 mil pessoas, com camarotes super modernos, estamos em fase final de licença da prefeitura. Será em um lugar estratégico, com fácil localização. Essa arena vai significar um salto nas finanças do Atlético-MG. Ela terá ingressos populares, para atender todas as classes sociais. Temos que enxergar que o futebol é do povo - finalizou o mandatário.