Luan chegou a marcar um gol contra o Boa, mas foi anulado pelo VAR, evitando que o placar fosse aberto

Luan chegou a marcar um gol contra o Boa, mas foi anulado pelo VAR, evitando que o placar fosse aberto- Bruno CantiniAtlético-MG

Valinor Conteúdo
31/03/2019
16:31
Belo Horizonte

Os jogadores do Atlético-MG destacaram que a equipe foi superior ao Boa Esporte no jogo deste sábado,30 de março, em Varginha, pela semifinal do Campeonato Mineiro. De acordo com eles, o empate por 0 a 0 não foi um resultado ruim, mas o Galo esteve mais perto da vitória.

-Foi um bom resultado. A gente poderia ter vencido, tivemos chances, dois gols anulados e uma expulsão que não sei se foi justa, uma dividida ali, não tem como tirar o pé. Fizemos um bom jogo, com um a menos e, agora, em casa, diante do nosso torcedor. É semifinal, é sempre difícil jogar, gramado pesado. Agora, dentro de casa temos que fazer o resultado para chegar à final- disse Luan.

Na visão do goleiro Victor , o alvinegro Atlético-MG até encontrou algumas dificuldades, mas soube jogar o jogo.

- Quando estava onze contra onze, praticamente não demos chances à equipe do Boa e criamos as melhores oportunidades, com bola na trave, gols anulados. A partir do segundo tempo, com um a menos, você acaba se resguardando um pouco mais, até porque o regulamento joga a nosso favor nesse momento. Então, não tinha necessidade de se abrir tanto. A equipe fez essa leitura a partir do momento em que ficamos com um a menos e temos mais 90 minuto para decidir em casa e levar o time à final”-analisou o arqueiro.

Já o capitão Réver considerou que o resultado não ficou de bom tamanho porque se teve uma equipe que buscou o gol o tempo todo e essa equipe foi o Atlético-MG.

-Mesmo com um homem a menos, tivemos uma chance com o Cazares, que a bola acabou passando na frente do gol, sem ninguém, tivemos dois gols anulados, outras chances, o Luan botando uma bola na trave. A equipe do Boa jogou dentro da sua proposta de não perder para que o jogo de volta não entrasse no marasmo. Acredito que, com todas as dificuldades que tivemos, a equipe se comportou bem- destacou o zagueiro.

Mais VAR

As decisões do VAR não passaram em branco pelo meia atacante Luana. Para o Menino Maluquinho do Galo, o sistema prejudica o futebol “raiz” e acha não mudará muito no jogo em si.

-Esse negócio de VAR aí não vai mudar nada. Ao meu modo de ver, o VAR não vai mudar nada. Já houve várias polêmicas com o próprio VAR. O futebol está perdendo a essência, a raiz. Enfim. Pode ajudar de alguma forma, mas é mais para perder a essência do futebol. Claro que não queremos ganhar roubado e nem por demérito, mas é complicado. Nunca vai saber se eles estão certos ou errados, só depois do jogo que dá para ver. Espero que melhore, mas, ao meu modo de ver, só vai piorar a raiz do futebol- disse Luan.