Geuvânio fica no clube mineiro até o fim de 2019 por empréstimo

Geuvânio foi  apresentado oficialmente pelo Galo e fica no  clube até o fim de 2019-Bruno Cantini/Atlético-MG

Valinor Conteúdo
19/03/2019
16:27
Belo Horizonte

O Atlético-MG apresentou oficialmente o meia-atacante Geuvânio, de 26 anos, a oitava contratação do Galo para 2019. O jogador assinou com o alvinegro até o fim desta temporada, com opção de renovação por mais um ano. Geuvânio estava no futebol chinês, onde estava jogando no Tianjin Tianhai.

Geuvânio terá de superar uma grande desconfiança com o seu futebol, ainda mais pela passagem apagada no Flamengo, entre 2017 e 2018, quando fez apenas 41 jogos, com três gols anotados. O meia-atacante terá a chance de recuperar o seu prestígio no futebol após gerar grande expectativa no seu início de carreira, no Santos.

Geuvânio comentou sobre os tempos não muito bons de Flamengo e tentou explicar a passagem apagada pelo Rubro-Negro.

-No futebol são muitas situações. Eu cheguei ao Flamengo por empréstimo, enquanto tinham muitos jogadores comprados, com salário alto, tinham que jogar. Eles tinham que dar preferência a quem foi comprado. Como cheguei de empréstimo, fica mais difícil de jogar. Esse rodízio não aconteceu tanto ao meu favor. Tentei aproveitar, mas cheguei a fazer dois gols num jogo e nem fiquei no banco no outro. Foi uma série de coisas que não consegui entender porque aconteceu. No meu ponto de vista, se desse um pouco mais de oportunidade, de sequência de jogos, eu teria voltado à minha forma física ideal, ao meu estilo de jogo de velocidade e drible. Na minha mente, faltou um pouco mais de oportunidade e sequência- disse.

O meia-atacante também falou sobre a sua escolha pelo Galo, mesmo recebendo propostas financeiras melhores, segundo ele, mas mas preferiu fechar com o clube mineiro para jogar ao lado de antigos companheiros.

-Sempre foi um sonho vestir a camisa do Atlético. Antes de vir pra cá teve propostas de salários bem melhores, financeiramente bem melhor do que o Atlético, mas escolhi esse desafio de vestir a camisa do Atlético. Aceitei o convite na maior felicidade. Já joguei com alguns companheiros como o Ricardo Oliveira e o Réver, isso me fez vir para cá, está me ajudando na adaptação ao Galo. Aceitei o desafio com maior orgulho, maior felicidade de estar aqui dentro. Vou dar o meu melhor para corresponder às expectativas-explicou.

O nome de Geuvânio já foi publicado no BID da CBF e já está liberado para jogar no Atlético-MG. Segundo o jogador, ainda falta aprimorar a parte física para poder se colocar à disposição de Levir Culpi e até já estipulou um prazo para a estreia.

-Fiquei um tempinho parado porque estava negociando a rescisão de contrato com o clube chinês. Já tem uma semana e meia que estou aqui, treinando muito firme, treinando dois períodos quase todos os dias. Comecei na semana passada a fazer trabalhos com a equipe no campo. Pelo meu biotipo também, não sou muito de engordar, beber refrigerante, cuido muito bem da minha alimentação. Com mais uma semana treinando firme, tenho condições de estar treinando com o grupo e estarei apto a participar dos jogos se o professor optar e precisar- concluiu.