Diego Tardelli no Shandong Luneng

Tardelli deixou a China após quatro temporadas no Shandong Luneng- (Foto: Divulgação)

Valinor Conteúdo
06/12/2018
17:18
Belo Horizonte

O Atlético-MG apelou para o vínculo emocional que o atacante Diego Tardelli, recém saído do futebol chinês, tem com o clube mineiro e com o atual diretor de futebol do clube, o ex-jogador Marques, para tentar convencer o avante e ídolo da Massa Alvinegra a retornar para a Cidade do Galo.

O presidente atleticano, Sérgio Sette Câmara, pediu para Marques falar com Tardelli, mas crê ser bem complicado o retorno do jogador, que fez história em Minas Gerais com conquistas importantes, como Copa do Brasil e Libertadores, mas manteve as portas abertas para o atacante de 33 anos.

- É uma pressão grande demais para trazermos ele. Eu gostaria imensamente, sem dúvida nenhuma de contar com o Tardelli. Tanto é que eu pedi o Marques para procurá-lo. O Marques, amigo pessoal dele (Tardelli), teve uma conversa com o Tardelli. Todo mundo sabe o quanto ele gosta do Atlético, o quanto ele ama o Atlético… Mas o Tardelli disse que está muito feliz na China, que a família dele prefere ficar lá, disse, ao programa Bastidores, da Rádio Itatiaia.