America x Parana

Adilson durou 19 jogos na equipe americana e perdeu apenas dois jogos em casa-  Alessandra Torrea/eleven

Valiinor Conteúdo
10/11/2018
20:11
Belo Horizonte

O América-MG anunciou a demissão do técnico Adilson Batista no comando do América-MG. A sequencia de dez jogos sem vencer, colocando o time americano na zona do rebaixamento, levaram o o clube a comunicar sua saída após 19 jogos treinando o Coelho.

A derrota por 1 a 0 para o Paraná, lanterna e rebaixado do Brasileiro, colocaram a “última pá de cal” na trajetória do treinador.

O presidente do clube, Marcos Salum, anunciou a demissão e diz que ainda não tem nenhum nome em mente para o lugar de Adilson.
- Quero comunicar a todos, com muita tristeza, pela derrota e pela perda do nosso treinador, o desligamento do Adilson. Tivemos uma conversa rápida no vestiário, disse Salum.

O Coelho ocupa a 18ª colocação com 34 pontos e pode perder mais uma posição, caso a Chapecoense some ao menos um ponto diante do Santos, fora de casa.

Adilson Batista chegou ao América-MG no fim de julho, substituindo Ricardo Drubscky, que comandou a equipe em duas partidas após Enderson Moreira deixar o clube para acertar com o Bahia. Foram 19 partidas, com quatro vitórias, oito empates e sete derrotas.