Nenê - Vasco x Joinville

Meia vascaíno se destacou pelo sacrif[icio tático em campo (Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

LANCE!
17/09/2016
20:37
Rio de Janeiro (RJ)

Desta vez Nenê não fez gol tampouco deu passe para os gols da vitória sobre o Joinville por 2 a 0, em São Januário, na última sexta-feira. No entanto, foi o primeiro jogador a receber elogios de Jorginho. O treinador destacou o sacrifício tático do meia, que recuou para auxiliar na marcação, função diferente daquela a qual está acostumado.

- Eu queria destacar um atleta que normalmente é protagonista dessa equipe e hoje teve uma função fundamental que foi o Nenê. Jogamos sem o Jorge Henrique, e havia uma necessidade de disciplina tática dele e do Dutra. Víamos o Nenê dando carrinho, indo atrás. O gol do Dutra foi importante, o do Pikachu também, mas, para mim, ver o Nenê crescendo junto com a equipe e a equipe junto com o Nenê é muito importante. Ficamos muito felizes de vê-lo voltando à sua melhor forma. Ele está fazendo com que a equipe cresça junto com ele - elogiou o técnico, que ao ser questionado sobre a próxima partida, diante do Santos, em São Januário, pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil, demonstrou total confiança na classificação:

- O Dorival é um excelente treinador, já havia mostrado isso durante toda a sua carreira. Ele sabe a vantagem que ele tem, mas sinceramente acreditamos que podemos reverter essa situação. Jogadores deles se conhecem muito bem. A movimentação deles é muito bem feita, mas o Vasco demonstrou que pode ser forte, precisamos ser fortes e acreditar. Precisamos dar o melhor, como aconteceu hoje.

O Vasco recebe o Santos, na próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em São Januário, pelo duelo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.