Brasileiro Filipe Toledo compete em bateria em Gold Coast pelo Circuito Mundial de surfe (Foto: WSL / Kelly Cestari)

Brasileiro Filipe Toledo ficou com o vice-campeonato na etapa de Oahu do WQS (Foto: WSL / Kelly Cestari)

LANCE!
21/11/2015
21:31
São Paulo (SP)

Em uma prévia do que pode ser a decisão do Circuito Mundial de Surfe (WCT) nessa temporada, o brasileiro Filipe Toledo, vice-líder do ranking, deixou uma boa impressão. O surfista terminou a etapa de Oahu, no Havaí, com a segunda colocação. A disputa valia pelo WQS, divisão de acesso à elite do surfe.

Na decisão, Filipinho conseguiu arrancar uma nota 9,5 logo em sua quarta onda, mas, depois disso, não conseguiu nenhuma outra boa marcação, terminando com um total de 14,83 pontos. O campeão foi o australiano Wade Carmichael, que somou 15,40 (9,07 + 6,33).

A bateria decisiva foi disputada por outros dois surfistas. Os locais Ezekiel Lau, que somou 13,04 pontos, e Dusty Payne, que terminou com um total de 12,83.

Adriano de Souza, o Mineirinho, terceiro colocado no WCT, foi eliminado logo na terceira fase da competição, enquanto Gabriel Medina, atual campeão mundial e quarto colocado nessa temporada, caiu na semifinal.

A grande decisão da elite do surfe mundial terá início no dia 8 de dezembro, em Pipeline, também no Havaí. O australiano Mick Fanning lidera a temporada, com 49,900 pontos, seguido por Toledo (49,700), Mineirinho (49,450) e Medina (45,350). Owen Wright (AUS) também tem chances de título, com 43,600.