Leco - São Paulo

Carlos Augusto de Barros e Silva concedeu coletiva de imprensa na última segunda-feira (Foto: Marcello Zambrana/AGIF)

Marcio Porto
24/11/2015
15:52
São Paulo (SP)

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, prometeu e cumpriu. Nesta terça-feira, ele foi ao CT da Barra Funda e teve uma conversa com o elenco. Durante cerca de 30 minutos, cobrou os jogadores após a equipe passar vergonha com a goleada sofrida por 6 a 1 para o rival Corinthians, no último domingo, na Arena Corinthians.

Na última segunda-feira, Leco já tinha avisado que a insatisfação com o trágico resultado seria passada ao grupo. Ele promete fazer uma reformulação no elenco, mas apenas após o Campeonato Brasileiro. O São Paulo ainda enfrenta Figueirense e Goiás e, na quarta colocação, estaria classificado para a Libertadores-2016 caso o campeonato terminasse hoje.

Após o papo com o grupo, dentro de uma sala do CT da Barra Funda, o presidente são-paulino ainda conversou por alguns minutos a sós com o coordenador técnico Milton Cruz. É o profissional do clube quem deve dirigir o time nos dois últimos jogos, mesmo se um novo treinador for contratado até lá. A diretoria promete para esta semana o anúncio do novo técnico.


Por causa da visita do presidente, os jogadores tiveram de se reapresentar mais cedo no cT da Barra Funda, por volta das 14h30. Isso porque depois da reunião Leco seguiu para o Morumbi, onde o São Paulo sub-20 decide a Copa do Brasil contra o Atlético-PR nesta terça-feira.