Calleri e Marco Aurélio Cunha - São Paulo

Pergunta de Marco Aurélio Cunha para Calleri animou torcedores do São Paulo (Foto: Reprodução/Instagram)

LANCE!
06/10/2016
07:00
São Paulo (SP)

Diretor-executivo do São Paulo. Marco Aurélio Cunha esfriou os ânimos dos são-paulinos que se animaram com uma possível volta do atacante Calleri ao clube. Depois de sugerir ao argentino, no Instagram, para conversarem, o dirigente disse que a interação não passou de uma brincadeira entre amigos. Marco escreveu "que tal conversarmos?", em uma foto do argentino com a namorada e logo viralizou entre tricolores.

- Escrevi porque me dou bem com ele, ele esteve na Olimpiada e a gente fala no Instagram. Se as coisas fossem fáceis assim pelo Instagram, contrataríamos o Messi. Foi só um contato habitual - declarou Marco Aurélio, após o empate do São Paulo com o Sport na última quarta-feira, no Recife.

- Claro que não é para sonhar (com a volta dele). Eu falo com bastante genta. Calleri esteve comigo na Olimpíada, trocamos ideias. É só uma relação de pessoas que se gostam - completou o diretor.

Calleri, no entanto, segue acompanhando o São Paulo. De Londres, onde defende o West Ham (ING), o centroavante assistiu pela internet os últimos jogos do Tricolor e já disse que sonha em voltar ao clube no futuro.

Sem focar em Calleri, Marco Aurélio Cunha disse que o planejamento do São Paulo para a próxima temporada segue em andamento e evita falar em rebaixamento. O dirigente chegou a ficar irritado com uma pergunta sobre ficar marcado como parte da diretoria que levou o time para a Série B.. Com o empate no Recife, o Tricolor pode terminar a rodada a dois pontos da zona do rebaixamento: está com 36.


- Nem posso imaginar uma coisa dessa, embora me preocupe. Acho que essa forma de perguntar não é legal. Porque me pergunta isso, se já estamos bem a frente do rebaixamento em relação aos adversários? Estamos trabalhando, fizemos primeiro tempo excelente, e o Sport está vivo, tem treinador bom e endureceu o jogo - analisou Marco Aurélio.

O São Paulo ficará dois pontos acima da zona do rebaixamento se o Figueirense vencer o Botafogo em casa no domingo e o Cruzeiro bater a Ponte Preta, também em seus domínios.