Ricardo Gomes - São Paulo

Ricardo Gomes comandou o São Paulo na Ilha do Retiro nesta quarta (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

LANCE!
06/10/2016
00:26
São Paulo (SP)

Após o empate por 1 a 1 contra o Sport nesta quarta-feira, na Ilha do Retiro, o técnico Ricardo Gomes admitiu que a situação do São Paulo não é nada confortável no Campeonato Brasileiro. O comandante, no entanto, citou o desempenho do time na partida contra o Flamengo, no último sábado, e na primeira parte do duelo no Recife. Ricardo falou em "três tempos bons".

- A zona não é boa. Mas melhoramos um pouco, bastante no primeiro tempo e acho que como contra o Flamengo, fizemos jogo também muito disputado. Isso deu desgaste. Fizemos três tempos com boa qualidade de jogo. Estamos ainda em zona desconfortável. E temos de pontuar para sair dessa situação o quanto antes e pensar em outras coisas - analisou o treinador, em entrevista coletiva.


Ricardo Gomes também disse que o São Paulo sentiu desgaste, em parte por conta do jogo disputado, mas também pela sequência de jogos. Segundo ele, ter jogado sábado em São Paulo e viajado para enfrentar os pernambucanos interferiu no desempenho. Também para o Sport.

- Primeiro tempo foi muito bom. No segundo caímos um pouco, o Oswaldo (de Oliveira) colocou mais velocidade e nos deixou encurralados pelos lados. Mesmo assim tivemos oportunidades também. Mas essa queda tem o desgaste, e Sport e São Paulo com esse jogo de domingo, depois hoje, tempo de viagem. O São Paulo foi melhor no primeiro tempo e o Sport, no segundo - declarou.

Ao projetar o próximo duelo, o clássico contra o Santos, na quinta-feira da semana que vem, Ricardo Gomes disse que a pressão sempre existe neste tipo de jogo e voltou a falar nos "três tempos" bons.

- Acho que é até melhor, eles são acostumados, jogadores de qualidade. Precisamos sair dessa zona. A partir daí, a bola não queima, e tudo fica mais tranquilo. Estou falando de três tempos bons, está faltando aumentar o número de gols. Falta a parte ofensiva. Clássico por si só, pela história de Santos e São Paulo, já tem a pressão - disse o treinador.

O São Paulo volta para a capital paulista nesta quinta-feira e se reapresenta na sexta-feira no CT da Barra Funda.