Palmeiras x Santos

Dorival Júnior elogiou o comportamento da equipe no clássico deste sábado (Foto:Mauro Horita/AGIF)

LANCE!
20/02/2016
20:26
São Paulo (SP)

Apesar de ter saído do Allianz Parque sem a sonhada primeira vitória no novo estádio do rival, o Santos se consola ao fato de ao menos ter criado chances de vencer a partida. Em pelo menos três oportunidades claras de marcar, o atacante Gabigol parou na falta de pontaria e nas defesas do goleiro Fernando Prass.

De acordo com o técnico Dorival Júnior, o clássico deste sábado diante do Palmeiras foi o melhor jogo do time no ano. O comandante ainda elogiou a triangulação e a quantidade de chances criadas pela equipe, que vinha sofrendo nas últimas partidas.

– Essa foi a melhor partida do ano. Sem dúvidas. Criamos, trocas de passes, enfiadas. Triangulações, tabelas, movimentação. Tivemos cinco oportunidades na frente do Fernando (Prass). Grande goleiro. Tarde/noite maravilhosa e impediu um sucesso maior – lamentou o técnico da equipe santista. 

Quanto à escalação da equipe, o comandante explicou que a saída de Ricardo Oliveira durante o segundo tempo foi pelo cansaço, e não por temer que seu capitão fosse expulso pelo árbitro Raphael Claus. Além disso, Dorival ainda destacou a evolução que a equipe vem tendo nas últimas partidas.

- Tirei o Ricardo Oliveira tentando uma nova possibilidade com o Joel. Entrada dos três jogadores deram um algo a mais à equipe. Ricardo foi até onde deu, pivô, marcando. Tivemos um fôlego novo com o Joel e tivemos oportunidades. Precisamos de um elenco composto, que resposta às necessidades. Estamos melhorando em todos os aspectos. Troca de passes, ações, movimentação, mas ainda aquém do que produzíamos no ano passado. Temos espaço para evolução. Espero que a equipe continue crescendo. É tudo o que queremos - projetou