Santos x Fluminense

Dorival Júnior não vê Santos garantido na Libertadores do ano que vem (Foto: Ivan Storti)

LANCE!
06/10/2016
00:29
Santos (SP)

O Santos venceu a "decisão" contra o Fluminense por 2 a 1 na Vila Belmiro e se consolidou ainda mais nas primeiras posições do Campeonato Brasileiro. A atuação santista, mesmo na ausência de Lucas Lima, rendeu elogios do técnico Dorival Júnior. Além da exaltação ao rival, Dorival vê um time muito mais consciente do que em outras oportunidades.

- Acho que foi um grande jogo, muito marcado, mobilidade constante do Fluminense, que joga sem referência. Jogadores de excelente nível, mobilidade intensa, e o Santos dentro de suas características. Não abrimos mão do que temos de melhor. Enfrentamos adversário que se postou bem, criou dificuldades e poderia ter vencido a partida, porém o Santos fez um grande jogo. Novamente um jogo equilibrado e consciente, não nos expusemos, fomos corajosos e buscamos o gol a todo instante. Contra-ataque do Fluminense é mortal, assim como o nosso. Duas equipes foram agressivas. Santos prevaleceu na primeira etapa, eles igualaram até o gol de empate. Fomos felizes em uma bola parada, gol fundamental. A equipe tem jogado de maneira consciente, e isso tem sido importante. Resultados seguintes serão fundamentais, mas aos poucos encontramos um caminho. Quem entra, tem dado conta - disse, em entrevista coletiva após a partida.


Mesmo com a transformação do G4 em G6 e com a vantagem de oito pontos em relação ao arquirrival Grêmio, sétimo colocado, a nove rodadas do fim do Brasileirão. Mesmo com gordura para queimar e com bom nível de autações, Dorival evita falar em vaga assegurada na Libertadores do ano que vem e ao mesmo tempo nem sequer abre mão da luta pelo título.

- É muito cedo, temos nove rodadas ainda. Não podemos dar bobeira, porque Brasileiro pede atenção, temos pretensões no Brasileirão, não só a Libertadores, não. Temos nove rodadas. Se eu não acreditar na minha equipe e em outra situação, eu teria que sair do Santos. Estamos dentro da competição e acredito piamente que podemos chegar. Fomos regulares, melhoramos em muito quesito.