Treino Santos Longuini e Vitor Bueno (foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

Rafael Longuine e Vitor Bueno voltam a brigar por uma vaga na equipe do Santos (foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

Léo Saueia e Russel Dias
06/04/2016
07:05
São Paulo e Santos (SP)

Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia e... Dúvidas! Nem o torcedor que mais acompanha o Santos e nem mesmo o técnico Dorival Júnior são capazes de definir a escalação do Peixe, principalmente quando chega no meio de campo. Além dos desfalques de Alison e Renato, lesionados, a concorrência também interfere na hora de escolher o time.

Entre Victor Bueno e Rafael Longuine, principalmente, a disputa acontece constantemente. A "briga" começou com a ausência de Lucas Lima em um jogo, mas depois se estendeu aos demais. Depois que Dorival sacou Serginho, nunca mais houve 11 titulares.

Nos últimos três jogos, Rafael Longuine atuou como segundo volante, meia centralizado e ao lado de Lucas Lima. Já Vitor formou dupla com o camisa 20 e até com o concorrente direto pela vaga, mas permaneceu ao lado de um meia.

Para aumentar a dúvida, eles agradaram Dorival nos testes.

- Estou trabalhando muito forte. Treinando muito forte para agradar a comissão técnica. Claro que não estou no meu ideal. Mas tenho certeza que vou adquirindo confiança, principalmente depois do gol, para lutar por essa vaguinha - disse Vitor Bueno, que marcou na goleada sobre o Capivariano por 5 a 3 com gol de cobertura. 

- O importante é sempre se movimentar bastante e cair por dentro também para criar as jogadas - afirmou Longuine sobre seu estilo de jogo, que vem dando certo.

Ao perder Geuvânio e Marquinhos Gabriel, Dorival abriu mão de jogar com três atacantes depois de testar Paulinho, e tem dado chances aos meias do elenco.

Marquinhos Gabriel e Moreno interessam ao Santos. É bom Vitor Bueno e Longuine se mexerem!