Hotel Bourbon & Resort de Atibaia (Foto: Divulgação)

Atibaia volta a ser a casa do Palmeiras (Foto: Divulgação)

Ana Canhedo
10/05/2016
07:10
São Paulo (SP)

O elenco do Palmeiras viajou na tarde de segunda-feira para seu costumeiro refúgio, a cidade de Atibaia, localizada a 66 km da capital paulista. Será a quarta vez desde 2015 que o Verdão tenta se encontrar na cidade do interior. E, de fato, todas as sequências pós-retiro dão margem para mais uma saída de São Paulo, antes da estreia no Campeonato Brasileiro, marcada para sábado, às 16h, contra o Atlético-PR, no Allianz Parque.

Cuca terá alguns dias para observar e conhecer ainda mais o elenco que entende estar praticamente fechado para o segundo semestre do ano. O treinador espera conseguir manter a sequência conquistada justamente depois de uma viagem a Atibaia: são sete jogos de invencibilidade alviverde.

– Quando formos para Atibaia novamente, vamos com um grupo mais definido. Isso faz parte do trabalho. É bom eles estarem sabendo disso também, sabem que futebol é assim e têm de fazer o melhor para estarem dentro desse grupo para o segundo semestre. – disse o técnico em entrevista ao L!, sexta-feira.

O Palmeiras não perde desde o dia 27 de março, quando foi goleado pelo Água Santa, pelo Paulistão. Nem mesmo a eliminação na Copa Libertadores foi causada por uma derrota. O Verdão caiu na competição nacional com uma goleada por 4 a 0 sobre o River Plate, do Uruguai, no Allianz - a eliminação ocorreu porque o Rosário Central (ARG) derrotou os uruguaios fora de casa.

Antes de ir com Cuca para Atibaia, o elenco alviverde já havia conhecido a tranquilidade do local em duas oportunidades em 2015. Na primeira, conseguiu embalar uma sequência de oito jogos sem perder, a começar por uma goleada sobre o São Paulo, por 4 a 0, no Brasileiro.

O casamento com a cidade do interior paulista é tão bom que foi nela a ‘preleção’ mais importante do grupo palmeirense antes do título da Copa do Brasil, diante do Santos.

Após conquistar a taça, foi divulgado um vídeo no qual Cristaldo aparece liderando o grupo alviverde em uma festa, realizada antes da partida no Allianz Parque, a segunda final. Nele, o centroavante argentino avisava que o Palmeiras não perderia tal jogo para o rival. Deu certo.

Com um jogo-treino a disputar nesta quarta-feira, contra o Guarani, o período em Atibaia pode ajudar alguns atletas a recuperarem a confiança dentro do clube, como é o caso do meio-campista Moisés, recém-recuperado de lesão no pé esquerdo e à disposição de Cuca para a temporada.

Lucas Barrios também busca recuperar espaço dentro do time – ele ficou fora da lista de convocados do Paraguai para a disputa da Copa América. No Departamento Médico, apenas Allione e Leandro Almeida se recuperam. Dudu segue em fase de transição e pode compor o time ainda nesta semana. Em São Paulo ou em Atibaia... Ao trabalho!