Ana Canhedo
09/05/2016
17:06
São Paulo (SP) 

O Palmeiras deve ganhar um reforço nos próximos dias. Mesmo com contrato até dia 18 de maio com o Osasco Audax, o meio-campista Tchê Tchê, que também atua na lateral-direita, deve acertar sua rescisão e se apresentar antes do previsto ao Verdão. Ele foi a principal baixa na reapresentação do vice-campeão paulista nesta segunda-feira. Guilherme Camacho também não apareceu, mas já havia sido liberado para ver o filho no Rio de Janeiro. 

O Audax vive período de incertezas e muitas reuniões. A primeira aconteceu nesta segunda-feira, em Osasco, mas ainda não selou o destino de suas principais peças. O volante Yuri, que interessa ao Santos e ouvi do próprio Dorival Jr que seria bem-recebido na Vila Belmiro, teria uma proposta do Braga, de Portugal. Cria da base de Osasco, tem contrato até 2017. 

Situação diferente vivem Bruno Paulo, atacante, e Camacho, meia. Os dois estão na mira do Corinthians e têm contrato apenas até o dia 18 de maio. Inicialmente, ambos ouvirão a proposta de Mário Teixeira, dono do Audax, antes de acertarem uma possível transferência. Dessa forma, os contratos seriam cumpridos sem maiores intercorrências. 

Tchê Tchê, único que teve o acerto com outra equipe vazado durante o Campeonato Paulista, era esperado ao menos para se despedir do elenco. Neste domingo, na Vila Belmiro, estava aos prantos após o vice-campeonato. As reuniões seguirão ao longo da semana. 

No entendimento da diretoria do Audax, é preciso oferecer um projeto maior do que a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro aos jogadores para segurá-los. Mário Teixeira, por isso, busca uma parceria para disputar a Série B do Brasileirão.