LBF terá Ricardo Molina como presidente e Valter Ferreira como vice-presidente

Ricardo Molina (dir.) é o novo presidente da LBF (Divulgação/LBF)

LANCE!
03/04/2017
18:52
São Paulo (SP)

Em Assembleia geral realizada na sede da Liga Nacional de Basquete, em São Paulo (SP), nesta segunda-feira, os seis clubes da Liga de Basquete Feminino (LBF) elegeram, por unanimidade, a nova presidência da entidade. A partir desta data, a LBF será presidida por Ricardo Molina e seu vice-presidente Valter Ferreira, que ficará no cargo até 26 de maio de 2018.

A nova direção assume o cargo em consequência à renúncia do primeiro presidente da entidade, Marcio Cattaruzzi, e da vice-presidente, Helen Luz, que estiveram juntos à frente da entidade nos últimos três anos.

- A Liga de Basquete Feminino está em um processo de evolução contínuo e é necessário, neste momento, que todos os clubes estejam unidos em busca do mesmo objetivo. Agradeço a todos os times pela confiança e apoio - afirmou Ricardo Molina, novo presidente da Liga de Basquete Feminino.

O novo presidente é empresário com formação em gestão comercial e marketing. Foi gestor do basquete feminino de Americana onde, por oito anos, administrou a associação vinculada à cooperativa médica da cidade. Em 2014, desenvolveu uma parceria com o Sport Club Corinthians Paulista onde, na última temporada, se sagrou o vice-campeão da LBF. Ao longo desses anos, Molina conquistou 22 títulos, entre eles três campeonatos nacionais e dois sul-americanos.

- Nosso principal objetivo é já iniciarmos as tratativas para o próximo campeonato. Já temos a definição dos clubes que iniciamos a nova temporada em janeiro/2018 e encerramos em junho/2018, que já é uma novidade. As outras novidades virão através de um planejamento que faremos junto aos clubes, visando qualificar nosso campeonato, aumentar o número de equipes, melhorar a exposição frente as diversas alternativas de mídias e retribuir a confiança dos nossos parceiros e patrocinadores -disse Molina.

Valter Ferreira, novo vice-presidente, começou a trabalhar no basquete em 2012 e, em pouco tempo, escreveu seu nome na história da modalidade. Logo em seu segundo ano no Sport Clube do Recife foi campeão invicto da LBF e conquistou o título da Liga Sul-Americana. Antes de assumir o novo posto, Valter era conselheiro da entidade.

A partir deste domingo, os quatro melhores clubes da LBF disputam o troféu de campeão.  Em quadra, teremos as semifinais com os confrontos entre Corinthians/Pague Menos/Americana (1º) e Sampaio Corrêa Basquete (4º), e Uninassau Basquete (2º) e Santo André/APABA (3º). Todos os jogos dos playoffs terão transmissão dos canais SporTV.