Lisca no Inter

Lisca lamentou o rebaixamento do Inter à Série B (Foto: Jorge Rodrigues/Eleven)

RADAR/LANCE!
11/12/2016
21:09
Porto Alegre (RS)

O domingo será de muita dor de cabeça ao torcedor do Internacional. O empate com o Fluminense em 1 a 1 neste domingo, no Giulite Coutinho, decretou a queda do Colorado à Série B pela primeira vez na história do clube. Após a partida, o técnico Lisca se mostrou frustrado o desfecho do Inter nesta edição do Campeonato Brasileiro. 

 – É duro para mim. Fiz de tudo, nos esforçamos muito, contra todos os prognósticos. Houve essa situação final do acidente, transferência do jogo, uma antipatia grande com o Inter , que eu nunca tinha visto. Mas não foi nessas três rodadas que o clube fez campanha de rebaixamento. Os responsáveis, agora, precisam analisar. Animicamente, foi difícil de trabalhar essa recuperação pelo retrospecto das ausências de vitória. Não muda nada para mim, meu objetivo era deixar o inter na Série A e não consegui – afirmou. 

Lisca, que não deve permanecer no Internacional para a disputa da Segundona no ano que vem, disse ainda que o Colorado terá de aprender com os erros para recuperar sua grandeza.

– É o momento de lamber as feridas, reconstrução. Fazer uma análise profunda de toda a temporada. Aprender. E buscar a grandeza do clube de novo. Não consegui fazer os sete pontos que nos tiraríamos. É hora de se fechar e fazer análise interna – finalizou o treinador. 

Além do Inter, Figueirense, Santa Cruz e América-MG também disputarão a Série B em 2017.