Wagner Lopes

Wagner Lopes assume a vaga de Matheus Costa, que conseguiu o acesso do Tricolor na Série B. (Divulgação/Paraná)

LANCE!
10/12/2017
14:57
Curitiba (PR)

O Paraná Clube confirmou a volta de Wagner Lopes, 48 anos, na tarde deste domingo, através da sua conta no Twitter. Junto com o técnico, o Tricolor ainda anunciou a vinda do auxiliar-técnico Sandro Rosa. O L! já havia revelado seu retorno.

- É com orgulho que retorno ao Paraná. Fiz muitos amigos aqui e a sintonia que a comissão técnica sempre teve com o comando do futebol, com o (Rodrigo) Pastana e com o presidente Leonardo (Oliveira), é algo que marcou. Volto com muita vontade de trabalhar. O que posso prometer ao torcedor é um time organizado e um elenco competitivo - afirmou Lopes.

A negociação com o clube foi, de certa forma, rápida. Após se desligar do Albirex Niigata, do Japão, a diretoria entrou em contato e alinhou a sua volta. Antes de confirmar oficialmente, o comandante já fazia parte do planejamento da próxima temporada e conversava com a direção sobre questões do dia a dia, como reforços e permanências. 

- O Wagner tem o perfil que buscamos. Ele tem muita experiência na formatação de grupos, seguindo a filosofia do clube. Conhece a Série A e confiamos no seu comando, sempre com muito equilíbrio - comentou o executivo de futebol, Rodrigo Pastana.

No Tricolor, Wagner Lopes fez 22 jogos, com 12 vitórias, sete empates e três derrotas, tendo aproveitamento de 66,1%. Ele levou o time às quartas de final do Paranaense (eliminado pelo rival Atlético-PR, ainda sob seu comando) e Primeira Liga, além das oitavas de final da Copa do Brasil.

Por uma questão financeira, já que recebia R$ 25 mil na Vila Capanema e recebeu proposta de quase R$ 500 mil no futebol japonês, o treinador saiu após a eliminação no Estadual. No Japão, entretanto, ele não foi bem e acabou rebaixado com sua equipe.

Nesse retorno, o técnico deve receber, pelo menos, o triplo de sua primeira passagem pelo Paraná. A diretoria trabalha com um teto de R$ 50 a R$ 60 mil para jogadores, enquanto o comandante varia entre R$ 80 a R$ 100 mil. A nova realidade financeira se deve ao acesso conquistado à Série A.

Reforços

Além do treinador, o Paraná tem três reforços encaminhados e que devem ser anunciados no início da semana: o zagueiro Charles (Joinville), o meio-campista Alex Santana (Internacional) e o atacante Diego Gonçalves (Internacional). Todos já estão acertados.

O Paraná inicia a temporada no dia 17 de janeiro, enfrentando o União Beltrão, na cidade de Francisco Beltrão, pelo Campeonato Paranaense. A reapresentação do elenco está programada para o dia 2 de janeiro.