Fluminense x AtleticoPR (Foto:Nelson Perez/FluminenseF.C)

Camisa 10 do Fluminense perdeu pênalti aos 46 minutos do segundo tempo (Foto:Nelson Perez/FluminenseF.C)

LANCE!
15/11/2016
19:25
Rio de Janeiro (RJ)

Gustavo Scarpa teve em seus pés a chance de encerrar a sequência negativa do Fluminense no Brasileirão. Mas o camisa 10 - que havia dado a assistência para o gol de Cícero - perdeu o pênalti nos acréscimos e o time empatou com o Atlético-PR no Maracanã, que recebeu mais de 40 mil torcedores. Na saída do time de campo, o meia tratou de chamar a responsabilidade para si:

- É complicado. Como eu disse nas outras entrevistas, eu não tenho problema em assumir meus erros, me expor. Tentei ajudar a equipe, mas não consegui. Cada um tem a sua parcela de culpa, mas a responsabilidade de quem perde um pênalti no último minuto é sempre maior. É chato ser chamado de "time sem vergonha". Não vou me abater. Vou continuar trabalhando para que domingo a gente consiga um resultado melhor - lamentou Scarpa na saída.

Com o empate em 1 a 1 nesta terça-feira, o Fluminense chegou a sete jogos sem vencer no Brasileirão. O time ocupa a oitava colocação, com 49 pontos, três a menos do que o próprio Furacão, sexto colocado da competição. Na próxima rodada, o Tricolor enfrenta a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli.