Wallace - Flamengo (Foto: Wagner Meier/Lancepress!)

Wallace é o capitão do Flamengo (Foto: Wagner Meier/Lancepress!)

Pedro Barboza
25/11/2015
13:12
Rio de Janeiro (RJ)

Capitão do Flamengo, Wallace é um dos mais, ou quiça, o jogador mais íntegro e mais antenado do time. Ciente da má fase vivida pelo Rubro-Negro nesta temporada, o defensor evidenciou que a não conquista do Campeonato Estadual pode ter sido a origem para que o time não tenha conseguido fazer uma campanha digna.


- Quando empatamos com o Nova Iguaçu, onde começaríamos o ano promissor, dali em diante as coisas começaram a virar, e não tivemos uma sequência boa. Isso acabou tirando a confiança do grupo. Depois ocorreram mudanças, e acabou refletindo até os dias de hoje - destacou o zagueiro, que ainda falou da falta de sintonia do grupo, com uma pressão grande fora de campo:

- Acho que faltou uma sintonia nossa, e começamos a trazer problemas desnecessários. Se tem um clube que o externo influencia dentro é o Flamengo. O torcedor tem direito, foi um ano mais impaciente, mas nem todo jogador assimila isso. Não é fácil para alguns jogar com críticas. A pressão é nível de Seleção e as coisas tem de ser imediatas.

Mesmo diante deste panorama, o jogador acredita que 2016 pode ser um ano mais favorável para o Flamengo

- Conseguimos o Super-Series, mas é pouco para o Flamengo. É lamentável, o meu primeiro ano sem um titulo relevante, mas foi uma série de fatores para não termos êxito. Tem que pensar e repensar para não cometer os erros no ano seguinte. 2016 tem tudo para ser diferente. O Flamengo é referência, jogadores querem jogar aqui, o que não acontecia antes. Não tem um clube tão respeitando quanto o Flamengo.