LANCE!
23/06/2016
11:54
São Paulo (SP) 

Na vitória por 2 a 1 do Atlético-MG sobre o Corinthians, no Mineirão, uma cena chamou atenção. Logo após o apito final, o jovem zagueiro Pedro Henrique, de 20 anos, saiu de campo chorando muito e foi consolado por companheiros de time e até adversários, como Dátolo e Robinho. A reação de tristeza era pela falha no lance do segundo gol, quando deu um recuo fraco para o goleiro Cássio que permitiu a Cazares antecipar-se, completar para a rede e determinar o triunfo mineiro.  

A falha do jogador, que tem apenas três partidas como titular do Timão, remete a outro episódio recente envolvendo um zagueiro e exemplifica como é possível dar a volta por cima em pequeno espaço de tempo. Vitor Hugo, titular absoluto atualmente na defesa do Palmeiras, cometeu erro parecido justamente em um clássico contra o Corinthians, no Campeonato Paulista de 2015, no Allianz Parque. O recuo curto para Fernando Prass permitiu que Petros chegasse antes e tocasse para Danilo, livre, fazer o gol da vitória alvinegra. 

De lá para cá, Vitor Hugo só cresceu em seu desempenho e estima com a torcida palmeirense. O fato foi lembrado por palmeirenses em redes sociais por ocasião do choro de Pedro Henrique. 

O Corinthians manifestou apoio ao zagueiro. "#TamoJuntoPedroHenrique", postou o clube em sua conta oficial no Twitter. A publicação foi rapidamente compartilhada pela Fiel.