LANCE!
27/10/2016
18:22
Rio de Janeiro (RJ)

A Justiça negou nesta quinta-feira pedido de habeas corpus dos 31 torcedores do Corinthians presos no Rio de Janeiro. 30 deles estão em Bangu, enquanto um menor foi levado a um centro de custódia no Rio.

A decisão negativa foi tomada pelo desembargador Carlos Eduardo Roboredo, da Terceira Câmara Criminal do Rio. O pedido foi realizado pelo advogado Valter Nunhezi Pereira, que defende um dos detidos.

Devido a confronto com policiais militares dentro do Maracanã, antes da partida contra o Flamengo, no último domingo, os corintianos foram indiciados por lesão corporal, dano qualificado, resistência qualificada à ação policial, promover tumultos em eventos esportivos e associação criminosa.

Muitos deles alegam que nem sequer estavam dentro do estádio no momento da briga. Para provar a inocência, eles recorrem a fotos, vídeos e até registro de ligações.