Sede da CBF (Foto: arquivo LANCE!)

'O momento é de trazer técnicos, jogadores e imprensa, para o futebol brasileiro chegar a um denominador comum quanto ao calendário' (Foto: arquivo LANCE!)

Mário Sérgio
04/10/2016
09:00
Rio de Janeiro (RJ)

O aumento de datas na Copa Libertadores tornou ainda mais urgente a revisão do calendário no futebol brasileiro. São muitas datas em competições simultâneas, como Copa do Brasil, Estaduais e competições sul-americanas, e organizadas por dirigentes cheios de conflitos de interesse (inclusive, os da América do Sul).

A solução mais simples é a de enxugar os Estaduais. Evitaria o desgaste excessivo diante de uma tabela longa, e daria maior conforto aos clubes que disputam outras competições pesadas, como a Libertadores e o Brasileirão.

No entanto, estas mudanças devem acontecer somente após muito debate. Não podemos deixar esta solução na mão de amadores.

O momento é de trazer técnicos, jogadores e imprensa, para o futebol brasileiro chegar a um denominador comum quanto ao calendário. Somente de maneira democrática o Brasil saberá o caminho para confeccionar as tabelas.

*Mário Sérgio é comentarista do canal FOX Sports, e tem trajetórias como jogador e treinador de futebol.