Jair Ventura

Jair fez mistério sobre a formação no ataque: Pimpão ou Guilherme? (Foto: Rodrigo Chadí/Fotoarena/Lancepress!)

Rafael Bortoloti
13/10/2017
20:20
Rio de Janeiro (RJ)

A falha de Victor Luis no gol da Chapecoense, na última quarta-feira, na vitória sobre a Chapecoense por 2 a 1, não abala a titularidade do lateral-esquerdo do time de Jair Ventura. O técnico do Botafogo reconheceu que o atleta, que recebeu a visita do pai, no treino desta sexta-feira, não foi boa, mas transmitiu confiança ao jogador. 

- Converso muito com os meus atletas. O Victor tem uma ótima cabeça e conversamos depois do último jogo. Não vai ser por causa de um jogo vou definir algo de titularidade. Ele está com sangue nos olhos para voltar a jogar bem, assim como estávamos depois que perdemos para o Vitória. A gente confia muito no atleta - opinou o técnico Jair Ventura. 

O comandante do Glorioso também comentou sobre a situação do goleiro Jefferson. Por mais que ele tenha voltado aos treinos nesta sexta-feira, o primeiro da semana, o arqueiro ainda é dúvida para preencher o banco de reservas.

De acordo com o técnico do Botafogo, o reserva de Gatito seria titular contra a Chapecoense, mas a amigdalite, em fase final, não o permitiu jogar e fez acelerar a volta do paraguaio.

- A gente ainda esta vendo. Ele está debilitado. Ele disse que nunca havia sentido isso. Bom que já está de volta e vou conversar com os médicos. Ele ia jogar no último jogo e acabou que tivemos que acelerar a volta do Gatito - revelou Jair Ventura, que preferiu não revelar quem joga no ataque ao lado de Brenner: Pimpão ou Guilherme? 

- Não posso contar o meu time para o Zé Ricardo (risos). O Pimpão vinha de lesão, já voltou e agora depende do treinador para escalá-lo. São jogadores com a mesma característica - finalizou o comandante do Botafogo.