Comemoração do Civitanova na Polônia

Comemoração do Civitanova na Polônia (Divulgação CEV)

Web Vôlei
03/04/2019
15:17
São Paulo

A fanática torcida polonesa calou-se, nesta quarta-feira, diante de uma atuação quase impecável do Civitanova diante do Skra Belchatow, na cidade de Lodz.

Pela partida de ida da semifinal da Champions League masculina de vôlei, vitória incontestável do time italiano por 3 sets a 0, parciais de 25-14, 25-20 e 25-23.

Com o resultado, a equipe de Bruninho, Leal, Simon & Cia. precisará vencer dois sets na partida de volta, em casa, para se garantir na decisão. O Skra Belchatow necessitará de um triunfo por 3 a 0 ou 3 a 1 para forçar a realização do golden set.

O primeiro set foi um verdadeiro passeio. De cara, o Civitanova abriu 12 a 2 e assim não teve qualquer dificuldade para construir o 1 a 0. A segunda parcial caminhava no mesmo ritmo, com os italianos abrindo uma frente muito confortável: 20 a 11. Mas os poloneses esboçaram uma reação e chegaram a ficar apenas dois pontinhos atrás: 22 a 20. Mas daí em diante os italianos não mais bobearam até o fechamento em 25 a 20.

A terceira parcial foi ponto a ponto. Ninguém conseguiu abrir vantagem, aumentando a tensão e o nervosismo dos poloneses. Até o 21 a 21, ninguém tinha a vantagem mínima para fechar o set. Mas a maior categoria dos atacantes do Civitanova pesou na reta final, para decepção da torcida local na Atlas Arena.

Três jogadores se destacaram na pontuação pelo time italiano: Leal e Sokolov fizeram 13 pontos cada, um a mais do que Juantorena. Bruninho fez quatro, todos eles no saque. Pelo Belchatow, Wlazly e o iraniano Ebadipour tiveram dez acertos cada.

A outra semifinal reunirá Zenit Kazan (RUS) e Perugia (ITA).