Raul Vasco

Raul deixa o Vasco após dois anos (Foto: Felippe Rocha/Lancepress!)

LANCE!
28/08/2020
17:09
Rio de Janeiro (RJ)

O volante Raul foi anunciado oficialmente como novo reforço RB Bragantino nesta sexta-feira depois de semanas de negociações entre os clubes. Entretanto, o jogador aproveitou as redes sociais para se despedir da torcida do clube carioca. Em sua conta no Instagram, o volante agradeceu pela estadia de dois anos no clube e manifestou seu "carinho eterno" pela torcida do clube carioca.

- Gratidão. Essa é a palavra que resume o sentimento que eu tenho pelo Vasco da Gama. Desde que cheguei ao clube, em 2018, vivi intensamente cada dia deste Gigante. Sempre entreguei muito empenho e dedicação quando entrei em campo. Agradeço a todos os profissionais do Vasco com os quais tive contato e me ajudaram demais no meu desenvolvimento como jogador e cidadão. Também ficará o meu carinho eterno para o torcedor vascaíno, um verdadeiro apaixonado pelo clube e responsável pelo gigantismo desta agremiação - afirmou.

Durante a publicação, o atleta também aproveitou para afirmar que não tentou obter a rescisão contratual unilateral na justiça por conta de salários atrasados, mas reconheceu que identificou que era o momento de uma mudança de ares em sua carreira.

- Gostaria de deixar claro, por fim, que em momento algum pensei em deixar o clube pela Justiça. Meu entendimento é que precisava de novos ares, mas desde que em comum acordo com o Vasco. Meu entendimento é que precisava de novos ares, mas desde que em comum acordo com o Vasco. Pois meu desejo era deixar o clube pelo mesmo lugar onde entrei: a porta da frente! Desejo sucesso ao Gigante da Colina na sequência da temporada! Valeu Vasco! - concluiu.

Contratado em junho de 2018 após deixar o Ceará sem custos dias antes do fim de seu contrato, Raul tornou-se um dos pilares no meio-campo do Vasco. Desde então, alternando entre titularidade ou reserva com minutos consideráveis de utilização, o volante se destacou pela polivalência 

Com contrato até o fim de 2020, Raul foi afastado no início de agosto pela diretoria durante as negociações com o clube paulista. O grande empecilho das tratativas eram os salários atrasados, que levou o atleta a assinar um pré-contrato com o Red Bull Bragantino. Para não perder o jogador de graça, a diretoria do Vasco resolveu negociá-lo e acertou sua venda por cerca de R$ 2 milhões.

Aos 24 anos, Raul atuou com a camisa do Vasco em 80 jogos e marcou apenas dois gols.