Grêmio x Vasco

O meia Marquinho estreou pelo Vasco no Campeonato Brasileiro (Rafael Ribeiro/Vasco)

Felippe Rocha
13/07/2019
20:22
Porto Alegre (RS)

Houve dois jogos na Arena do Grêmio, neste sábado. O primeiro terminou quando o que seria o segundo gol do Vasco foi anulado pela arbitragem. O segundo foi a partir dali. O Grêmio cresceu, empatou, virou, mas as reclamações contra os homens do apito, das bandeiras e do VAR se mantiveram no lado visitante.

Organização tática

Grêmio x Vasco
Yago Pikachu abriu o placar, de pênalti (Jeferson Guareze)

O Vasco iniciou a partida com desenho tático e estratégia bem definidos. Disposto no 4-1-4-1, o time de Vanderlei Luxemburgo tinha Richard à frente da linha de defesa, Marquinho na ponta esquerda e Valdívia no comando de ataque. Compactado em 30 metros, o objetivo era buscar o contra-ataque.

Gol e alteração tática

Grêmio x Vasco
Após o primeiro gol, Rossi foi jogar na esquerda (Rafael Ribeiro/Vasco)

Num desses contragolpes o Vasco chegou à sua primeira finalização. Pênalti obtido após David Braz puxar a camisa de Henríquez, e convertido por Yago Pikachu. Logo após a abertura do placar, Marquinho se transformou em centroavante, Valdívia passou para o lado direito do ataque e Rossi trocou para o lado esquerdo.

Contragolpes

Grêmio x Vasco
Valdívia perdeu boa chance no primeiro tempo (Rafael Ribeiro/Vasco)

Na reta final do primeiro tempo, o Grêmio já tinha Everton em campo e pressionava o meio-campo vascaíno. Mas as melhores chances seguiram sendo do Vasco: nos últimos minutos da primeira etapa, Valdívia chutou para fora e Raul parou em Paulo Victor em dois contra-ataques seguidos.

A grande polêmica

Grêmio x Vasco
Golaço marcado por Pikachu acabou anulado (Rafael Ribeiro/Vasco)

Então chegamos ao lance capital da partida: Yago Pikachu driblou dois marcadores, fez um golaço e ninguém reclamou. Na avaliação obrigatória de todos os gols, o assistente de vídeo (VAR) entendeu que houve falta de Rossi na origem do lance. O árbitro principal, Rodolpho Toski Marques, então, concordou e o 2 a 0 virou, na verdade, um cartão amarelo que suspende o atacante vascaíno para a próxima partida (clássico com o Fluminense).

Pressão e descontrole da arbitragem

Grêmio x Vasco - Luxemburgo
Vanderlei Luxemburgo contestou a arbitragem (Rafael Ribeiro/Vasco)

O lance - que mal fora contestado pelos jogadores gremistas - foi um balde d'água fria no Vasco, e um ânimo no time da casa. Ainda estávamos no primeiro minuto da segunda etapa. E enquanto os comandados de Renato Gaúcho cresciam no jogo, empatavam e viravam o placar, a arbitragem perdia o comando da partida. Thaciano deu entrada muito forte e levou apenas cartão amarelo. No Vasco, quatro jogadores mais o técnico Vanderlei Luxemburgo deixaram a partida advertidos.

placeholder