Marocs Guilherme fez o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Sport

Marcos Guilherme vai deixar o São Paulo e pode reforçar o Flamengo (Paulo Pinto/saopaulofc.net)

Guilherme Abrahão e William Correia
26/04/2018
14:15
Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP)

Sonho antigo do Flamengo, o meia-atacante do São Paulo, Marcos Guilherme voltou a entrar no radar da diretoria e pode reforçar o Rubro-Negro a partir do meio da temporada. O jogador que está emprestado pelo Atlético-PR até o dia 30 de junho não deve renovar com o clube paulista, devido a imbróglio criado no contrato, e o Fla monitora de perto para tentar acertar com o jogador.

No início do ano passado, o jogador chegou a acertar todos os detalhes para reforçar o Rubro-Negro, mas de última hora seguiu para jogar na Croácia, por empréstimo, no Dinamo Zagreb. Ele queria o Fla, mas a diretoria do Furacão preferiu o empréstimo para a Europa, para valorizar o jogador.

Contratado no meio do ano passado pelo São Paulo, Marcos Guilherme assinou por um ano de empréstimo com o clube, com um acordo verbal de mais seis meses. Porém, o Atlético deu para trás e quer que o time paulista adquira os direitos do meia-atacante, estipulados em cerca de 3 milhões de euros (aproximadamente R$ 12,8 milhões), valores, por ora, descartados pelo Tricolor.

Desta maneira, até para preservar o jogador que já afirmou que "não está com a cabeça boa para jogar", enquanto a situação não é resolvida, dificilmente o atleta deve voltar a vestir a camisa do São Paulo. O Flamengo já colocou intermediários para abrir negociações assim que o time paulista confirmar oficialmente que não irá comprar os direitos de Marcos Guilherme.

Uma reunião sobre a situação do jogador foi feita pela cúpula de futebol do Atlético-PR na última quarta-feira e ficou decidido que por questões mercadológicas - ou seja, de valorização do jogador - o acordo de mais seis meses de empréstimo com o São Paulo não será sacramentado.

Contudo, o repasse de um novo empréstimo, com prioridade de compra para o Flamengo, é visto com bons olhos. Nos corredores da Arena da Baixada, comenta-se que mais dois clubes da Série A do Brasileiro e um do mercado europeu estariam de olho no jogador.

A possível investida por Marcos Guilherme supriria uma nova carência do grupo rubro-negro. Com a saída de Everton - para o próprio São Paulo - e uma eventual ida de Vinícius Júnior para o Real Madrid, já em julho deste ano, coloca o Flamengo em posição de alerta no mercado para reforçar o setor. Hoje, o elenco conta com os garotos Vinícius Júnior, Lucas Paquetá, Geuvânio e Marlos. Os dois últimos estão emprestados ao clube.

Aos 22 anos, Marcos Guilherme fez 44 jogos com a camisa do São Paulo e marcou nove gols. Ele também atuou nas seleções de base, Atlético-PR e no Dínamo Zagreb, da Croácia.

Marcos Guilherme entrou na história do São Paulo, sendo o quinto jogador a participar de mais jogos consecutivos desde a estreia: 43 partidas seguidas entrando em campo, igualando Benê, em 1961. A sequência foi interrompida ao ficar no banco diante do Rosario Central, no dia 12, e ele só foi titular no compromisso seguinte, no dia 19, porque Diego Aguirre escalou um time misto contra o Paraná. Diante de Atlético-PR, pela Copa do Brasil, e Ceará, no Brasileiro, ele ficou apenas na reserva.