Petra Kvitova

Tennis Australia

Tênis News
17/07/2020
17:11
Berlim

Em entrevista à BBC 5 Live, a tcheca Petra Kvitova, 11ª da WTA, afirmou ainda não ter certeza se disputará o US Open. A tenista é a quarta top a se manifestar em dúvida a respeito do slam nova-iorquino ao lado de Halep, Svitolina e Bertens.

"Eu sei que alguns jogadores definitivamente não irão com as restrições estão como agora. Eu sigo pensando em como tudo estará, quais restrições existirão, e, quantas pessoas poderemos levar e se elas ficarão em quarentena conosco", pontuou a bicampeã em Wimbledon.

O US Open está programado para o fim de agosto e sem presença de público. No atual momento, os mais de 3 milhões de casos confirmados de pacientes da COVID-19 não têm preocupado apenas Petra Kvitova, mas outros atletas como a romena Simona Halep, que acenou para um à competição no saibro, tal como a ucraniana Elina Svitolina. Outros nomes como Kiki Bertens e Novak Djokovic, já apontaram que "não estão certos" sobre sua ida à Nova York e há quem faça como o espanhol Rafael Nadal, que tem treinado no saibro.

Kvitova, que jogou o torneio nacional da República tcheca a portas fechadas, classificou a situação como "esquisita" e ponderou a respeito do US Open: "Jogar sem torcedores em um Grand Slam, eu realmente não consigo pensar nisso. Se tudo correr bem, OK, eu vou com certeza para competir, mas existe a chance de que eu não vá. Decidirei tudo quando as coisas estiverem mais claras", revelou.