Roger Federer vence o Masters 1000 de Miami em 2019

Divulgação/Miami Open

Tênis News
31/03/2019
15:55
Miami (FL - EUA)

O primeiro campeão do novo Masters 1000 de Miami atende pelo nome de Roger Federer. Neste domingo, o suíço superou o norte-americano John Isner por 6/1 6/4 e garantiu seu quarto título do evento, sendo o primeiro na nova sede, no Hard Rock Stadium.

Federer precisou de apenas 1h03 para superar Isner, nono do mundo e campeão do evento no ano passado, superando o adversário pela sexta vez em oito jogos entre eles.


Com a conquista de seu 101° troféu na carreira, Roger se torna o primeiro bicampeão da temporada, já que levou também o ATP 500 de Dubai, em fevereiro. Ele disputou sua 154ª decisão no circuito, 50ª de Masters, triunfando pela 28ª vez neste nível de torneio (3° maior vencedor, atrás de Djokovic com 32 e Nadal com 33), quarta vez na Flórida. Os outros três canecos ali foram nos anos de 2005, 2006 e 2017, todos na ilha de Key Biscayne, antiga sede.

Vencendo uma partida no ano pela 18ª vez, o suíço, aos 37 anos de idade, se garante como o que mais saiu vitorioso de quadra em 2019. Ele desempatou com o grego Stefanos Tsitsipas e o russo Daniil Medvedev, ambos com 17. Além disso, vai à primeira colocação no ranking da temporada. Vale lembrar que ele vinha do vice em Indian Wells há duas semanas.

Atual número 5 da ATP, Federer vai receber 990 pontos pelo resultado, destacando que o campeonato vale 1000, e ele caiu logo na estreia em 2018. Mesmo assim, conseguirá a ascensão de apenas uma posição.

Já John, com 33 anos, participou de sua quinta final de Masters e buscava seu segundo título desta magnitude. Por não ter defendido a conquista de 2018 em Miami, o gigante de 2,08 m perderá 400 pontos e cairá um lugar no ranking.

O Jogo
O primeiro set da partida deste domingo começou a ser definido logo no primeiro game. Federer, surpreendentemente, escolheu começar devolvendo o saque de Isner. A tática deu certo e o suíço conseguiu uma quebra de cara. Daí em diante, domínio total de Roger, que conseguiu outras duas quebras e fechou o set inicial em 6-1.

Já na segunda parcial, ambos os tenistas confirmaram bem seus serviços até o décimo game. Porém, neste momento do jogo, John começou a sentir muitas dores em sua perna esquerda, que comprometeram totalmente sua movimentação. No sacrifício, sacou para se manter vivo, mas foi quebrado e Roger Federer se sagrou campeão com um 6-4.

Assista ao momento final:
Here it is, the moment @rogerfederer claimed his 4th #MiamiOpen title, d. Isner 6-1 6-4 🎉

Horrible to see @johnisner struggling with injury, 🤞 you're ok! pic.twitter.com/h1BhzijyXa
— Tennis TV (@TennisTV) 31 de março de 2019