Pedro Boscardin

Luiz Candido

TÊNIS NEWS
11/02/2019
23:40
Criciúma (SC)

O brasileiro Pedro Boscardin, de apenas 16 anos, foi um dos destaques do primeiro dia da chave principal do Banana Bowl, na categoria 18 anos, que está sendo disputada no saibro do clube Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma.

O catarinense de Joinville, que treina na RS Tennis/Time Guga, estreou com uma grande vitória sobre o paranaense Eduardo Taiguara por duplo 6/2. Na segunda rodada, Pepe enfrentará o canadense Taha Baadi, cabeça de chave 14.

“A vitória de hoje foi muito boa. É muito bom voltar a jogar no Brasil, ainda mais em um torneio importante como o Banana Bowl. Vim de uma condição estranha em Assunção e consegui jogar bem e impor meu jogo aqui. Eu e o Natan [Rodrigues] também conseguimos uma boa vitória nas duplas”, avaliou Boscardin, que integrou a delegação do Brasil como sparring na Copa Davis, em Uberlândia, através do Programa Juniors/Pro da Confederação Brasileira de Tênis.

“Queria agradecer mais uma vez à CBT pela oportunidade. A experiência na Davis foi incrível, poder treinar com os profissionais e ver de perto a rotina deles. Foi muito legal, consegui aprender bastante e estou procurando levar isso comigo”, afirmou.

Esta é a 49a edição do Banana Bowl, o mais tradicional torneio infantojuvenil da América Latina. A categoria 18 anos está sendo disputada em Criciúma, no Mampituba, pelo terceiro ano consecutivo. Já as demais categorias estão ocorrendo no Rio de Janeiro pela primeira vez. Os 16 anos estão sendo na Techset Academy; 14 anos no novo Rio Country Clube e os 12 anos no Marina Barra Clube.

Nesta terça-feira, outros dois brasileiros estreiam na chave principal nos 18 anos, o baiano Natan Rodrigues, que também integrou a delegação brasileira na Davis como sparring, e a paulista Ana Luiza Cruz. Cabeça 11, Natan enfrentará o espanhol Alejandro Garcia. Décima quarta pré-classificada, Ana Cruz medirá forças com a norte-americana Hina Inoue.