Juan Branda substituiu Crespo, que ficou afastado por apresentar sintomas de gripe

Branda substituiu Crespo, que foi afastado por apresentar sintomas de gripe (Foto: Rubens Chiri/ saopaulofc.net)

LANCE!
05/06/2021
23:06
São Paulo (SP)

Neste sábado (5), o São Paulo enfrentou o Atlético Goianiense, fora de casa, no Estádio Antônio Accioly, pela segunda rodada do Brasileirão. Ao fim do jogo, o time paulista saiu derrotado por 2 a 0, sofrendo um dos gols em uma jogada de bola parada. Após a partida , o assistente Juan Branda, que substituiu Crespo no jogo, falou sobre os gols de bola parada sofridos pela equipe.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

No último jogo do Tricolor, contra o 4 de Julho, do Piauí, pela Copa do Brasil, o time sofreu três gols em jogadas pelo alto, em lances de bola parada. O primeiro gol nasceu de um escanteio, enquanto os outros dois vieram de faltas nas quais a bola foi lançada na área.

Contra o Atlético Goianiense, no primeiro tempo, o zagueiro Éder fez de cabeça após cobrança de falta de Natanael, que cruzou a bola no segundo pau.

Sobre os gols sofridos desta maneira, Juan Branda disse que o time deve seguir trabalhando este tipo de jogada, mas afirmou que qualquer gol sofrido recebe atenção da comissão.

- Sempre que tomamos um gol é algo que nos preocupa e que nos ocupa os treinamentos. Com 4 de Julho foram dois em impedimento, mas não importa, temos que seguir trabalhando a bola parada.

O Tricolor volta a campo na próxima terça-feira (8), para enfrentar justamente o 4 de Julho, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

Após perder a primeira partida fora de casa, no Albertão, por 3 a 2, o São Paulo precisa vencer o jogo por 1 a 0, 2 a 1 ou então por dois gols de diferença para garantir sua classificação no Morumbi.