Bruno Peres estrearia somente na próxima semana, mas já jogou 30 minutos nesse domingo

Bruno Peres estrearia só na próxima semana, mas já jogou 30 minutos nesse domingo (Érico Leonan/saopaulofc.net)

LANCE!
30/07/2018
07:00
São Paulo (SP)

Nesse domingo, antes do que estava previsto, Bruno Peres foi relacionado e estreou pelo São Paulo, saindo do banco para participar dos últimos 30 minutos da vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, no Mineirão. Atuando na lateral direita, onde jogará para substituir Militão, de saída para o Porto, de Portugal, o jogador teve seu desempenho aprovado por si próprio e pelo técnico Diego Aguirre, mas avisa que ainda não está 100% fisicamente.

- Não posso falar se estou bem ou mal fisicamente. Não estou no meu ideal ainda, mas trabalho para chegar ao nível físico desejado e ajudar o São Paulo - disse o novo camisa 15, emprestado pela Roma, da Itália, até o final do ano que vem, e relacionado para a partida desse domingo porque Militão cumpriu suspensão por acúmulo de cartões amarelos.

- Fiquei feliz pela estreia. Não estava programada, mas eu estava me preparando bem, trabalhando forte. O resultado veio e entrei com o pé direito, com o que é mais importante: começar com vitória. Independentemente da função, preciso estar preparado para defender o São Paulo e ajudar o time a fazer três pontos - prosseguiu Bruno Peres.

Bruno Peres chegou exatamente por conta da iminente saída de Militão. A diretoria liberou Militão para o Porto por 4 milhões de euros (quase R$ 18 milhões), mas exigiu que ele ficasse no Tricolor até a partida contra o Vasco, no domingo, exatamente para Bruno Peres, que estava de férias, ter o tempo necessário para estar bem fisicamente. O cartão que Militão recebeu contra o Grêmio, na quinta-feira, antecipou a programação.

- Foi boa a estreia do Bruno Peres, é um reforço excelente. Jogou 30 minutos e terá mais jogos. Já prevendo a saída de Militão, teremos Bruno Peres pronto. É o bom trabalho da diretoria para contratar jogadores prevendo alguma possível saída. Eu me sinto respaldado e apoiado porque o São Paulo tem feito as coisas realmente bem - avaliou Aguirre.

A expectativa de Bruno Peres é manter a evolução da equipe, que somou nove dos últimos 12 pontos que disputou no Campeonato Brasileiro (venceu Flamengo, Corinthians e Cruzeiro e perdeu do Grêmio) e está a dois do Flamengo, que lidera a competição. Na quinta-feira, o Tricolor recebe o argentino Colón, pela Copa Sul-Americana, no Morumbi.

- É um momento bom, a equipe vem evoluindo e crescendo. Pegamos uma sequência difícil, somamos o máximo de pontos possível e vamos continuar pensando assim. O Campeonato Brasileiro é muito equilibrado, é cedo para falar em título. Estamos brigando, vivendo partida após partida, dando importância a todas para pontuar o máximo possível e ver no final o que vai acontecer. O importante é manter a pegada e a vontade - disse Bruno Peres.