Uribe - Santos

Em um ano e quatro meses no Santos, Uribe ainda não balançou as redes pelo clube (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Fábio Lázaro
08/09/2020
14:38
Santos (SP)

O atacante Fernando Uribe tenta a rescisão do seu contrato com o Santos via Câmara Nacional de Resoluções e Disputa (CNRD). A entidade extrajudicial vinculada à CBF é a única prevista no contrato do atacante com o Peixe a ser acionada em casos de litígio contratual.

O jogador alega dívida de R$ 2 milhões com o clube, envolvendo falta de pagamentos de direitos de imagem, recolhimento de FGTS além redução salarial de 70% entre abril e junho, por conta da paralisação do futebol, devido a pandemia do novo coronavírus, não consentida pelo elenco.

As informações foram inicialmente publicadas pelo “GE” e confirmada pelo LANCE!.

Inicialmente, as partes tentaram uma rescisão amigável, mas a diretoria santista solicitou que o atleta abrisse mão dos valores a receber para ser liberado, o que não foi aceito.

Uribe chegou ao Santos com um dos maiores salários do elenco. Vindo do Flamengo, o jogador, no entanto, não correspondeu o alto investimento e não marcou gols em 16 jogos disputados.