Robinho e Neymar - Santos (Foto: Ivan Storti/ LANCE!Press)

Robinho e Neymar são dois dos Meninos da Vila mais famosos deste século (Foto: Ivan Storti/LANCE!Press)

Gabriel Santos*
30/03/2020
06:00
Santos (SP)

O Santos sempre foi sinônimo de revelação de grandes jogadores no futebol brasileiro. Por conta disso, o clube revelou um dado impressionante: são 127 garotos da base que jogaram no time profissional neste século XXI.  Dentre eles, nomes que se destacaram não somente no Peixe, mas também no futebol mundial, casos de Diego, Robinho, Neymar, e mais recentemente, Rodrygo. 

Para se ter uma ideia da importância dos Meninos da Vila na história do clube, os títulos mais importantes do clube neste período teve participação vital dos jovens. 

Os dois principais capítulos foram o título do Campeonato Brasileiro de 2002 (comandados por Diego e Robinho) e a Libertadores de 2011 (time que tinha Neymar, Ganso, entre outros). Além dos dois campeonatos, podemos destacar também o inédito título da Copa do Brasil em 2010, o primeiro troféu da nova geração dos Meninos da Vila de Neymar e cia. 

- O Centro de Memória do Santos FC fez um levantamento muito importante: o Peixão já utilizou 127 #MeninosDaVila neste século. Um número muito significativo para a Maior Base do Mundo - destacou o clube nas redes sociais

.Confira abaixo a lista dos Meninos da Vila revelados pelo clube neste século por ordem alfabética:

Adriano, Alan Patrick, Alan Santos, Alemão, Alessandro Pinheiro, Alex, Alexandre Afonso da Silva, Alison, Anderson Carvalho, Anderson Ceará, Anderson Salles, André Felipe, Arthur Gomes, Bernardi, Beto, Breitner, Bruno, Bruno Moraes, Cadu, Caju, Caldeira, Carlinhos, Crystian, Daniel, Daniel Guedes, Diego, Diego Cardoso, Diego Monar, Dimba, Diogo Vitor, Dionísio, Domingos, Douglas Freitas, Douglas Teixeira, Edmílson, Elivelton, Emerson Barbosa, Emerson Palmieri, Fabão, Felipe, Felipe Anderson, Fernando Medeiros, Filipi, Gabriel, Gabriel Calabres, Geuvânio, Giba, Giva, Guilherme Nunes, Gustavo Henrique, Halisson, Hudson, Igor, Jaílson, Jefferson, Jerri, João Paulo Silva, John Victor, Jorge Eduardo, Jubal, Júnior, Kaio Jorge, Leandrinho, Leandro da Luz, Léo Cittadini, Leonardo, Lucas Crispim, Lucas Lourenço, Lucas Otávio, Lucas Veríssimo, Luís Augusto, Luizinho Carlos, Marcão, Marcelo, Márcio, Matheus, Matheus, Matheus Oliveira, Moraes, Nadson, Nailson, Neilton, Neymar, Patrick, Paulo, Paulo Henrique Ganso, Paulo Henrique Soares, Paulo Ricardo, Pedro Castro, Rafael Andrade, Rafael Cabral, Rafael Caldeira, Renan Mota, Renatinho, Renyer, Rivaldo, Robinho, Robson Bambu, Rodrygo, Rogério, Rossini, Sandry, Saulo, Serginho Ricardo, Serginho Soler, Sílvio, Stéfano Yuri, Taílson, Thiago Carleto, Thiago Maia, Tiago Alves, Tiago Luis, Victor Andrade, Victor Yan, Vinícius Simon, Vladimir, Wagner Leonardo, Walace, Welder, Weldon, Wesley, Wesley Santos, William, Xuxa, Yuri Alberto, Zé Leandro e Zeca.

* Sob supervisão de Vinícius Perazzini