Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe - Santos

Dorval e Mengálvio, os primeiros da direita, foram comunicados pelo Santos, nesta quinta (Reprodução)

Arthur Faria
25/07/2019
19:05
Santos (SP)

Nesta quinta-feira, o ex-atacante Dorval afirmou que o Santos proibiu seus ídolos de assistirem os próximos jogos do Peixe no camarote térreo. O duelo contra o Avaí, neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, seria o último do ex-jogador, Mengálvio e Clodoaldo com cortesia. 

Dorval foi rapidamente procurado por torcedores santistas para explicar o assunto. O ex-atacante afirmou que assiste aos jogos do Peixe no camarote térreo há 50 anos. A dupla seria deslocada para as cativas, com acesso ao Portão 17.

- Vejo o jogo do mesmo lugar há 50 anos. É um desrespeito. Nunca está cheio a Vila e agora querem tirar o lugar da gente que sempre assiste. Querem nos colocar em um lugar que vamos tomar chuva, depois de velho, 84 anos tomando chuva. Vou falar com o presidente. Isso não pode acontecer - disse Dorval. 

Dorval e Mengálvio montaram um ataque histórico com Pelé, Pepe e Coutinho. Juntos, foram bicampeões da Libertadores e Mundial de Clubes, de 1962 e 1963, além de outros diversos títulos nacionais e estaduais. 

Em nota oficial, o Santos negou e explicou o mal-entendido. Veja abaixo:

"O Santos FC esclarece que houve um mal entendido com relação aos ingressos dos Ídolos do clube e que os mesmos permanecem no mesmo local que sempre utilizaram"

O Santos é o segundo colocado do Brasileirão, com 26 pontos. De olho na equipe catarinense, o Peixe volta aos trabalhos na manhã desta sexta-feira, no CT Rei Pelé.