Aníbal - Palmeiras

Atacante já conquistou o Brasileiro sub-20 e dois Paulistas na categoria com Verdão (Fabio Menotti/Ag. Palmeiras)

LANCE!
10/05/2019
10:00
São Paulo (SP)

Campeão brasileiro e bicampeão paulista no sub-20 com o Palmeiras, Aníbal começa a buscar um título inédito para o clube na categoria: a Copa do Brasil. E o atacante, um dos mais experientes do elenco, projeta a final contra o Cruzeiro, que terá o primeiro confronto às 19h15 desta sexta-feira, no Allianz Parque, como mais uma chance para se tornar um dos melhores paraguaios que já vestiram a camisa alviverde.

Dentro desse sonho, alcançar mais um troféu pelo Verdão é um caminho fundamental para ter oportunidade no elenco principal. O jogador de 19 anos até esteve inscrito na lista de jovens do Campeonato Paulista, mas acabou não sendo utilizado pelo técnico Luiz Felipe Scolari.

– Sabemos que é muito difícil estar entre eles porque são jogadores muito bons, mas com trabalho e sacrifício eu espero algum dia chegar lá e ser uns dos melhores paraguaios que já passou pelo clube - disse Aníbal.

Entre os compatriotas do jogador de 19 anos, um dos principais nomes do Verdão é o lateral-direito Arce, que tornou-se o estrangeiro com mais partidas pelo clube (241), conquistando a Libertadores de 1999, as Copas do Brasil e Mercosul em 1998 e o Torneio Rio-São Paulo e a Copa dos Campeões em 2000. No atual elenco, o zagueiro Gustavo Gómez é um dos destaques do forte sistema defensivo de Felipão, campeão brasileiro em 2018.

No sub-20, Aníbal já tem sua importância. É um dos mais experientes do elenco e, na campanha na Copa do Brasil, marcou dois gols importantes: o da classificação diante do Galvez, do Acre, na primeira rodada, e diante do Grêmio, nas quartas de final.

– Ter marcado gols nos últimos jogos é muito importante. Com certeza, faz chegar melhor para a decisão. A confiança está lá em cima. A responsabilidade é muito grande de ser um dos mais experientes do elenco. Ainda mais por saber o peso dessa camisa. Sabemos muito bem as responsabilidades de entrar em campo vestindo as cores do Palmeiras.

O Palmeiras chegou à decisão com cinco vitórias, um empate e uma derrota, marcando 17 gols marcados e sofrendo apenas nove. Eliminou Galvez (primeira fase), Coritiba (oitavas de final), Grêmio (quartas de final) e Vasco (semifinal) até chegar à final.

– Estamos muito esperançosos para esta final. Com muita fome e uma vontade muito grande de conquistar mais um título com esse grupo Palmeiras – comentou Aníbal.

Os ingressos para o jogo das 19h15 desta sexta-feira, no Allianz Parque, podem ser trocados por 1kg de alimento não-perecível. A volta será na quinta-feira, às 19h, no Independência, em Belo Horizonte. Em caso de empate no placar agregado das duas partidas (independentemente dos gols como visitante), a decisão vai para os pênaltis.