Felipão já avisou que poupará jogadores na partida desta quarta-feira, pela Libertadores

Felipão já avisou que poupará jogadores na partida desta quarta-feira, pela Libertadores (Agência Palmeiras)

William Correia
05/05/2019
10:00
São Paulo (SP)

Contra o San Lorenzo, na quarta-feira, no Allianz Parque, pela Libertadores, será mantido o rodízio de Luiz Felipe Scolari, mas o técnico deixa claro que poupará jogadores porque o time já está classificado para as oitavas de final. Como os argentinos também têm vaga garantida na próxima fase, a disputa será pela liderança do Grupo F, e basta ao Palmeiras empatar.

- Na quarta-feira, vou mudar de dois a três jogadores porque já estamos classificados, vamos jogar apenas pelo primeiro lugar do grupo. E preciso pensar na sequência do Brasileiro - informou Felipão, logo depois da vitória por 1 a 0 sobre o Inter, nesse sábado, pelo Campeonato Brasileiro, em São Paulo.

Depois de enfrentar o San Lorenzo, o Palmeiras terá oito partidas em um intervalo de 31 dias, antes de as competições serem paralisadas por conta da Copa América. Serão seis jogos pelo Campeonato Brasileiro e os dois duelos diante do Sampaio Corrêa, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Por isso, Felipão vê no compromisso pela Libertadores uma oportunidade mais aceitável para descansar alguns atletas.

Mas, apesar do discurso do treinador, a promessa é de enfrentar os argentinos com concentração máxima. É o que garante Bruno Henrique, capitão da equipe que acumula 12 pontos, dois acima do San Lorenzo. A justificativa é a luta pela melhor campanha possível, decisivo para definir quem será mandante na segunda partida de todas as fases do mata-mata continental - por enquanto, apenas Cruzeiro (15 pontos) e Inter (13) têm mais pontos do que o Verdão.

- Jamais podemos entrar relaxados em uma partida. Sabemos a importância de terminar a Libertadores na primeira colocação do grupo, de buscar o máximo de pontos possível para, no decorrer do campeonato, disputar o segundo jogo em casa - pontuou Bruno Henrique.

- Vamos descansar, comemorar a vitória sobre o Inter, que foi muito difícil, e ter a folga no domingo. Mas, na segunda-feira, já pensar na quarta-feira. Será um duelo muito difícil e vamos entrar muito ligados, para conseguir vencer o jogo - prosseguiu o meio-campista.