Palmeiras

Felipão vai dar oportunidades ao elenco com sequência de jogos do Brasileiro e Libertadores (Foto: Cesar Greco)

LANCE!
13/04/2019
08:00
São Paulo (SP)

O Palmeiras terá dez dias de trabalho entre esta segunda-feira, data da reapresentação do elenco, e a próxima partida, dia 25, contra o Melgar (PER), pela Libertadores. Depois disso, serão seis jogos em 17 dias, o que faz Luiz Felipe Scolari já avisar que intensificará o rodízio no elenco.

O Verdão começa a defesa do título brasileiro três dias depois do duelo no Peru, contra o Fortaleza, no Allianz Parque. Sem semanas cheias, ainda receberá o San Lorenzo (ARG), líder de sua chave na Libertadores, e fará viagens a Alagoas e Belo Horizonte (veja o calendário abaixo).

- Os jogadores sabem que não vão atuar em todos os jogos. Eu penso que eles têm confiança em mim e todos vão ter a oportunidade de mostrar que são úteis - avisou Felipão, após a vitória sobre o Junior Barranquilla (COL).

Fabiano, Juninho, Matheus Fernandes e Guerra são os únicos no elenco que ainda não tiveram oportunidade na temporada - o venezuelano no momento se recupera de lesão. Jean, Zé Rafael, Raphael Veiga, Hyoran e Arthur Cabral estão com poucos minutos.

A postura do ex-meia-atacante da Chapecoense, inclusive, serviu de exemplo para Felipão. Fora da lista de inscritos no Paulista, Hyoran entrou em três das quatro partidas na Libertadores e fez inclusive o gol que fechou a vitória de quarta, por 3 a 0.

- O Hyoran não jogava o Paulista, mas entrou em três partidas, porque eu confio nele. Mas por outras razões não podia inscrever (no Paulista). Vamos trabalhar, organizar melhor o que pudermos e ver se a gente consegue repetir o que foi ano passado - acrescentou.

Veja o calendário do Palmeiras até a próxima semana cheia:

25/4 - Melgar x Palmeiras - Libertadores
28/4 - Palmeiras x Fortaleza - Brasileiro
1/5 - CSA x Palmeiras - Brasileiro
4/5 - Palmeiras x Inter - Brasileiro
8/5 - Palmeiras x San Lorenzo - Libertadores
12/5 - Atlético-MG x Palmeiras - Brasileiro