Brasil x Tunísia - Douglas Souza

Sucesso nas redes, Douglas teve participação importante na vitória do Brasil (Foto: YURI CORTEZ/AFP)

Web Vôlei
24/07/2021
18:32
Rio de Janeiro (RJ)

Fenômeno de interações nos Jogos Olímpicos, o ponteiro Douglas Souza se tornou, neste sábado, o jogador de vôlei com mais número de seguidores no Instagram no planeta. Ele chegou aos 2 milhões na rede social, superando o levantador iraniano Saied Marouf, que tem 1,9 milhão.

+ Veja as notícias atualizadas dos Jogos Olímpicos de Tóquio

O boom de Douglas na internet começou na terça-feira. Homossexual assumido, ele se orgulha de levantar a bandeira LGBTQIA+. O campeão olímpico já vinha se destacando na semana anterior ao embarque para o Japão respondendo perguntas dos fãs sobre relacionamento, vôlei e detalhes da sua vida pessoal, mas em Tóquio passou a mostrar o dia a dia da Seleção Brasileira e do seu companheiro de quarto – o ponteiro Maurício Borges, que ele apelidou de Jorges – com Stories sempre muito animados e bem-humorados, ganhando seguidores gradualmente.

+ Zanetti na final, Arthur Nory e Felipe Wu eliminados… Veja o resumo do dia 

Na última terça, no entanto, quando a delegação do Brasil entrou na Vila Olímpica, o vídeo dele testando a famosa cama reciclada de papelão pulando e sambando em cima do colchão para testar a resistência do material, viralizou e ele caiu nas graças não só do mundo do vôlei, mas de todo o Brasil. Há quatro dias, ele tinha 260 mil torcedores e, neste sábado, passou a barreira dos 2 milhões.

+ Brasil oscila, Douglas entra, time melhora e bate a Tunísia na estreia do vôlei nos Jogos Olímpicos

Na quinta-feira, Douglas já tinha ultrapassado os dois únicos atletas de vôlei do Brasil com mais de 1 milhão de seguidores no Instagram: a ponteira bicampeã olímpica Jaque e o levantador e capitão da Seleção Bruninho, que busca em Tóquio sua quarta medalha olímpica – foi ouro no Rio-2016 e prata em Londres-2012 e Pequim-2008.

+ Especialista explica o segredo por trás do sucesso de Douglas Souza nas redes sociais

Douglas Souza chegou a receber críticas nos comentários da rede social de quem acredita que ele não estaria suficientemente focado em jogar. No entanto, ele deixou claro em uma postagem que só faz os Stories nos momentos de folga e ócio na Vila. E, na estreia do Brasil contra a Tunísia nos Jogos Olímpicos, na madrugada deste sábado, ele entrou a partir do segundo set para substituir Leal e mudou a cara do jogo, melhorando a recepção e virando as bolas no ataque.

– Estreia sempre muito dura, mas fizemos bem! Bora que o campeonato é longo – escreveu no Instagram, que também agradeceu pelos dois milhões de seguidores (no meio da tarde deste sábado, horário do Brasil, o número já era 2,2 milhões).

QUADRO DE MEDALHA - Confira abaixo como está o ranking