Basquete - Argentina

O interminável Scola foi o destaque do jogo com 20 pontos (Foto: Divulgação/FIBA)

LANCE!
10/09/2019
16:33
Rio de Janeiro (RJ)

Já garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 como uma das duas melhores das Américas, a Argentina almeja voos mais altos. Em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Mundo FIBA, os hermanos eliminaram a favorita Sérvia por 97 a 87, em Dongguan, na China, e se garantiram pelo menos na disputa pela medalha de bronze. 

O interminável ala-pivô Luis Scola, remanescente da geração que conquistou o ouro olímpico em 2004 e foi prata no Mundial de 2002, foi o destaque do jogo com 20 pontos. O armador Campazzo também se destacou com 18 pontos e 12 assistências. Já do lado sérvio, o ala Bogdanovic foi o maior pontuador com 21, enquanto o ala-pivô Jokic fez duplo-duplo com 16 pontos e 10 rebotes.

No outro jogo do dia, a Espanha confirmou o favoritismo e venceu a Polônia por 90 a 78. Os espanhóis, que são um dos favoritos ao título mundial, seguem invictos com seis vitórias em seis jogos. O armador Ricky Rubio foi o destaque da partida com 18 pontos e nove assistências.

O adversário da Argentina sairá do confronto entre Estados Unidos e França, na manhã desta quarta-feira, às 8h (de Brasília), em Dongguan, na China. Depois, no mesmo dia, a Austrália encara a República Tcheca, às 10h, em Shangai, e definirá o adversário da Espanha.